BRT transporta cerca de 70 mil pessoas no primeiro dia de Rock in Rio

Número recorde de passageiros levados pelo consórcio para o festival

Por O Dia

Rio - O BRT Rio transportou, no primeiro dia de Rock in Rio, cerca de 70 mil pessoas, o que já é um recorde em número de passageiros levados pelo consórcio para o festival. De acordo com a concessionária, na edição de 2015, no dia de maior movimentação, 35 mil ‘roqueiros’ usaram os serviços para chegar ao local de shows.

Segundo o BRT, o terminal Jardim Oceânico, na Barra da Tijuca, foi o ponto de maior circulação de pessoas. Das 15h às 20h, o intervalo entre um veículo e outro, em direção à Cidade do Rock, era de menos de um minuto.

Os dados sobre a operação dos três serviços especiais para o Rock in Rio – 90, 92 e 93 - ainda estão sendo fechados, mas na parcial: foram 786 viagens (idas e voltas) feitas no período das 14 horas até as 5h

“Não temos dúvida que, assim como nas Olimpíadas, fizemos um trabalho eficiente. Os poucos problemas que surgiram na madrugada foram rapidamente solucionados, porque nossas equipes trabalharam integradas com as da Prefeitura e as do evento. Estamos empenhados em levar o melhor serviço do BRT para o público que vai ou não ao festival”, afirmou a diretora de Relações Institucionais do BRT Rio, Suzy Balloussier.

Para este sábado, a expectativa é de um público ainda maior. Nos três principais terminais de embarque e desembarque para os shows - Alvorada, Centro Olímpico e Jardim Oceânico – há funcionários do BRT auxiliando o público.  

Últimas de Rio De Janeiro