Mulher é morta em tentativa de assalto em Coelho Neto

Vítima foi morta na Avenida Brasil por bandidos em uma moto que teriam se irritado após ela demorar a tirar o cinto de segurança. Idosa morta por menores em Niterói será enterrada na tarde desta quarta-feira

Por O Dia

Rio - Uma mulher foi morta a tiros dentro do carro na Avenida Brasil, em Coelho Neto, na noite desta quarta-feira, vítima de uma tentativa de assalto. A Delegacia de Homicídios da Capital (DH-Capital) investiga o caso.

Juçara Fernandes Correa, de 65 anos, teria demorado a se soltar do cinto de segurança, o que provocou a ira dos criminosos, que estavam em uma moto e atiraram na mulher. Ela não resistiu e morreu no local. As informações são do Bom Dia Rio, da TV Globo.

Procurada, a Polícia Militar não se pronunciou sobre o caso. A DH-Capital esteve na cena do crime e realizou perícia. Diligências estão sendo realizadas para identificar os autores.

Mulher foi morta dentro de seu carro por assaltantes na Avenida Brasil%2C em Coelho NetoReprodução TV Globo

Outra idosa morta em roubo em Niterói

Ainda nesta terça-feira, uma outra idosa foi morta em um assalto em Icaraí, em Niterói. Maria Alcina Gil, 66 anos, morreu após ser esfaqueada, no início da tarde, na Alameda Carolina. Dois menores foram apreendidos após o crime e um outro homem é procurado. O corpo da vítima está sendo velado na manhã desta quarta-feira e o enterro é previsto para as 16h no Cemitério Parque da Colina, em Pendotiba.

Imagens do circuito de segurança da Alameda Carolina mostram Maria Alcina andando calmamente pela via. Ela não percebe, mas é seguida por dois homens em bicicletas. O menor passa à frente dela e a aborda.

O outro faz o cerco sem descer do veículo. A idosa corre, é perseguida e golpeada pelo adolescente várias vezes nas costas. Ela cai ao lado de um carro e de um poste. Após o crime, o menor corre em direção à bicicleta que havia deixado. O comparsa dele volta e foge. De acordo com informações da PM, a dupla foi abordada no bairro São Francisco, por volta das 16h. Os menores foram encaminhados para a Delegacia de Homicídios de Niterói e São Gonçalo (DHNSG).

Segundo o delegado Allan Duarte, Maria Alcina morava no local. Segundo parentes, ela voltava da academia, tinha feito algumas compras e ia para casa quando foi atacada. O Corpo de Bombeiros ainda foi acionado, mas a idosa já estava morta. A DHNSG periciou o local e analisa imagens.

Um dos adolescentes confessou o crime e o outro acabou liberado. Um adulto que estava com os adolescentes está sendo procurado pela polícia. Segundo o delegado Allan Duarte, a dupla de assaltantes é do Morro do Preventório, no bairro de Charitas, que fica a quatro quilômetros do local do homicídio.

Últimas de Rio De Janeiro