Pezão vai comparecer à Justiça nesta segunda

Governador irá à 7ª Vara Criminal como testemunha de defesa de Sérgio Cabral por fraudes em obras

Por O Dia

Rio - O governador Luiz Fernando Pezão deverá comparecer, nesta segunda-feira, na 7ª Vara Criminal da Justiça Federal no Rio de Janeiro. Ele é uma das testemunhas de defesa do ex-governador Sérgio Cabral Filho no inquérito que apura fraudes na licitação para a execução das obras de reforma do Estádio do Maracanã e do Programa de Aceleração de Crescimento das Favelas o PAC-Favelas.

Governador irá à 7ª Vara Criminal como testemunha de defesa de Sérgio Cabral por fraudes em obrasOnofre Veras / Agência O Dia

De acordo com o inquérito que tramita na 7ª Vara Criminal, há indícios de que foram praticados vários crimes durante as obras de urbanização da favela de Manguinhos (PAC-Favelas) e para a construção do Arco Metropolitano, além da reforma do Maracanã, principal palco da Copa do Mundo de 2014. Entre os crimes, corrupção, lavagem de dinheiro e associação criminosa, que foram desvendados durante a Operação Calicute.

O depoimento de Luiz Fernando Pezão como testemunha de defesa do ex-governador Sérgio Cabral Filho na 7ª Vara Criminal também servirá para apurar crimes detectados na Operação Saqueador. Esta apura possíveis desvios de recursos públicos para favorecer a Construtora Delta, do empresário Fernando Cavendish. No depoimento, também deverá ser esclarecida a possível existência de um grupo restrito que operava no sentido de eliminar qualquer tipo de concorrência nas principais obras comandadas pela então administração estadual do antigo governador.

O governador Luiz Fernando Pezão já foi ouvido anteriormente pelo juiz Marcelo Bretas, da 7ª Vara Criminal, em abril passado. Na primeira vez, ele prestou breve depoimento sobre a Operação Calicute. Na ocasião, Pezão negou que soubesse de qualquer esquema de corrupção durante a administração do ex-governador Sérgio Cabral Filho.

Últimas de Rio De Janeiro