PRF prende mulheres que levavam mais de 2 mil munições do Paraná ao Rio

Segundo a polícia, os projéteis estavam colados ao corpo das suspeitas, com o uso de cintas elásticas

Por O Dia

Mulheres levavam mais de duas mil muniçõesDivulgação

Rio - A Polícia Rodoviária Federal (PRF) prendeu três mulheres que traziam 2.150 munições de fuzis e pistolas para a capital do Rio, na tarde deste domingo, em Santa Terezinha de Itaipu, na região oeste do Paraná.

As munições eram transportadas por três passageiras, duas delas com 27 anos e a terceira com 21, em um ônibus abordado na BR-277, em frente à unidade operacional da PRF. O veículo fazia a linha entre Foz do Iguaçu (Paraná) e Rio.

Os projéteis estavam colados ao corpo das passageiras, com o uso de cintas elásticas. De todas as munições, 900 são para fuzil calibre 556. As demais 1.250 unidades são de calibre nove milímetros.

De acordo com os policiais, as presas disseram ter adquirido as munições no Paraguai. Elas pretendiam fazer a entrega na Rodoviária Novo Rio, para uma pessoa que elas não sabiam dizer quem era. Ainda segundo a PRF, duas delas afirmaram que moram no Rio, uma na capital e outra em São Gonçalo.

A equipe da PRF encaminhou as presas e as munições para a Delegacia da Polícia Federal em Foz do Iguaçu.

?Reportagem da estagiária Marina Cardoso, sob supervisão de Gabriela Mattos

Últimas de Rio De Janeiro