Mortes violentas e roubos de rua aumentam em agosto no Rio

Outro índice que demonstrou forte crescimento foi o roubo de veículos, com 4.613 casos em agosto deste ano, contra 3.041 em agosto de 2016

Por O Dia

Rio - O estado do Rio registrou 482 mortes violentas em agosto, com cerca de 15 vítimas por dia entre homicídios dolosos, latrocínios, confrontos com a polícia e lesão corporal seguida de morte. O número foi divulgado nesta segunda-feira pelo Instituto de Segurança Pública (ISP), da Secretaria Estadual de Segurança.

Os dados de agosto também revelam um aumento no número de roubos de rua, que chegaram a 12.886 no mês, equivalente a 415 casos de roubos a pedestre, em ônibus e na rua por dia, ou 17 casos por hora. O número é 17,6% maior que o registrado em agosto de ano passado, que teve 10.959 casos.

No roubo de celulares, o aumento em relação a agosto de 2016 foi de 38%, com 2.419 casos em agosto deste ano ante 1.754 no mesmo mês do ano passado.

Os roubos de carga, apesar do reforço da Força Nacional de Segurança e da Polícia Rodoviária Federal (PRF) para combater esse tipo de crime, também aumentaram em agosto, chegando a 843 ocorrências, contra 759 no mesmo mês de 2016, um crescimento de 84 casos, ou mais 11%.

Outro índice que demonstrou forte crescimento foi o roubo de veículos, com 4.613 casos em agosto deste ano, contra 3.041 em agosto de 2016, um aumento de 1.572 casos no mês, ou mais 51,7%. Os dados completos podem ser acessados na página do ISP (www.isp.rj.gov.br).

Últimas de Rio De Janeiro