Polícia faz operação em São Paulo contra envolvidos com tráfico da Rocinha

Pelo menos 13 pessoas foram presas na manhã desta quinta-feira

Por O Dia

Rio - A Polícia Civil prendeu 13 pessoas, na manhã desta quinta-feira durante a Operação Salazar, em São Paulo. De acordo com as investigações, os suspeitos têm vínculos com traficantes da Rocinha, na Zona Sul do Rio, já que eles forneceriam armas para os bandidos na comunidade. Até meio-dia, a ação ainda estava em andamento.

Policiais apreenderam armas durante a Operação SalazarReprodução TV Globo

Entre os presos está Leandro Robson dos Santos, suspeito de envolvimento na invasão da Rocinha no mês passado. Ele foi encontrado, nesta manhã, na Praia Grande, na Baixada Santista. De acordo com a Polícia Civil, as investigações duraram dez meses. Ao menos 320 agentes estão nas ruas para cumprir cerca de 30 mandados de prisão e mais de 90 de busca e apreensão. 

"Eles promovem há muito tempo o tráfico de entorpecentes e, em alguns momentos, o tráfico de armas. E também existe relação com o pessoal do Rio de Janeiro", disse o delegado-assistente da Delegacia de Investigação sobre Entorpecentes (Dise), André Legnaioli, à TV Globo.

O delegado explicou que a quadrilha negociava armamentos com criminosos do Rio. Na ação, os policiais investigam a relação entre os bandidos paulistas e cariocas. "A gente tem como intenção a apreensão de drogas e material relacionado à facção criminosa. No caso, anotações, pendrives com contabilidade, armamento e munições que são usados tanto aqui no estado de São Paulo, como negociados com o Rio de Janeiro", disse.

?Com informações do Estadão Conteúdo

Últimas de Rio De Janeiro