Rio monta esquema especial para atendimento médico no fim do ano

Para a noite do réveillon, serão quatro postos de atendimento - montados na Praça do Lido e nas ruas República do Peru, Santa Clara e Bolívar

Por O Dia

Rio - A Secretaria Municipal de Saúde do Rio de Janeiro montou um esquema especial de atendimento ao público que irá acompanhar os eventos de fim de ano na Praia de Copacabana. As atrações começam no dia 29, com apresentação da Orquestra Tabajara e continuam durante a virada do ano, na noite do dia 31, com shows e a queima de fogos.

Rio monta esquema especial para atendimento médico no fim do anoGabriel Monteiro / RioTur

No evento do dia 29, a secretaria terá dois postos médicos, localizados na Praça do Lido e na altura da Rua República do Peru, com 25 médicos de plantão durante toda a noite. Os postos contarão, no total, com 24 leitos, quatro deles de suporte avançado, além de poltronas de hidratação. Os pontos de atendimento funcionarão das 18h às 23h.

Para a noite do réveillon, serão quatro postos de atendimento - montados na Praça do Lido e nas ruas República do Peru, Santa Clara e Bolívar – para o público. As unidades funcionarão das 17h30 do dia 31 até o fim dos festejos, informou a secretaria.

Para os casos mais graves, que necessitarem de remoção, 30 ambulâncias de suporte avançado e mais nove de suporte básico darão apoio pré-hospitalar móvel aos postos. A distribuição dos postos de atendimento é feita em torno das áreas de maior concentração de público. 

Para atender emergências, todas as unidades terão equipamentos de suporte à vida para monitoração e estabilização dos pacientes. Os hospitais, coordenações de emergência regionais e unidades de pronto atendimento (UPAs) municipais estarão com as equipes prontas para dar apoio aos atendimentos mais graves e receber as transferências, que serão feitas pela Central Municipal de Regulação.

No último réveillon, segundo a Secretaria Municipal de Saúde, foram feitos 860 atendimentos e 58 remoções das 17h30 do dia 31 dezembro até o fechamento dos postos.

Recomendações

A recomendação é para que as pessoas utilizem roupas leves, façam alimentação saudável, não esqueçam seus remédios habituais e se hidratem bastante. É importante tomar cuidado com objetos cortantes, especialmente cacos de vidro, e não andar descalço.

A secretaria também reforça o alerta para que pais ou responsáveis fiquem atentos às crianças, que devem ter pulseira de identificação, além de cópias de identidade e número de telefone de contato para o caso de se perderem.

Outras recomendações da Secretaria de Saúde são moderar no uso de bebidas alcoólicas e tomar cuidado com as condições de preparo e preservação dos alimentos a serem ingeridos.

Últimas de Rio De Janeiro