E a crise chegou ao Projeto Grael ...

A iniciativa que já atendeu cerca de 15 mil pessoas precisa de ajuda para manter atividades

Por O Dia

Um grande sucesso em Niterói, o Projeto Grael perdeu dois grandes patrocinadores nos últimos meses. Eles estão precisando de ajuda para manter as atividades náuticas gratuitas que já atenderam cerca de 15 mil pessoas ao longo dos últimos 18 anos. Por isso, eles lançaram a campanha ‘Adote um barco’, que permite que pessoas físicas façam doações de R$ 150, R$ 300 ou R$ 500 para a instituição.

Ao adotar um barco será possível escolher um nome para batizar as embarcações.Gerente executiva adjunta do projeto, Joanna Alves Dutra diz que a expectativa é conseguir ao menos 15 doadores. Cerca de 85% da receita deles vêm da lei federal de incentivo ao esporte e o resto da captação vem de doações e patrocínios diretos.

“Sempre recebemos ajuda de pessoas físicas, mas, devido à crise, fomos obrigados a nos organizar para fazer essa arrecadação. Qualquer ajuda é bem-vinda”, contou.

Há 18 anos na cidade%2C o Projeto Grael insere jovens de 9 a 29 anos a esportes como vela%2C remo e canoagemArquivo


O Projeto Grael insere jovens de 9 a 29 anos a esportes como vela, remo e canoagem por meio de aulas e programas profissionalizantes. São atividades que incluem cursos de fibra de vidro, capotaria náutica, mecânica de motores de popa, mecânica de motores náuticos, marcenaria náutica e instalações eletroeletrônica em veleiros e lanchas.

Para fazer parte do projeto é preciso apresentar um atestado médico, identidade, CPF e um documento que comprove a matrícula ou conclusão dos estudos na rede de ensino pública. As inscrições para o segundo semestre começam esse mês.

Últimas de Rio De Janeiro