Itaperuna quer explorar culinária mineira e capixaba

Cidade irá sediar Mapa do Comércio a partir desta quinta-feira

Por O Dia

Rio - O Mapa Estratégico do Comércio, do Sistema Fecomércio RJ, irá percorrer 319 quilômetros para chegar a Itaperuna, na oitava etapa regional do evento, a partir desta quinta-feira. Um dos desafios da principal cidade do Noroeste do estado, na divisa com Minas Gerais e Espírito Santo, é buscar alternativas para explorar o turismo local, numa região cercada por 14 cidades e habitada por mais de 300 mil pessoas, num raio de 70 quilômetros.

“Precisamos criar um calendário de eventos para atrair as pessoas”, antecipa o empresário Edmilson Ladeira, presidente do Sindicato do Comércio Varejista (Sincomércio) de Itaperuna, que representa cerca de três mil comerciantes locais.

Município do noroeste é centro econômico de região com 300 mil habitantes%2C na divisa com dois estadosDaniel Castelo Branco / Agência O Dia

A criação de uma rampa para parapente, a divulgação de hotéis destinados para a terceira idade no distrito de Raposo, onde há fontes de água mineral, e a idealização de um evento gastronômico com comidas típicas fazem parte da ideia. “Temos uma culinária que é meio mineira e meio capixaba, porque estamos na divisa com esses dois estados. Também podemos explorar a farta produção de tilápia que temos aqui. Vejo como fundamental a criação desse tipo de evento para atrair as pessoas para o noroeste do estado”, analisa Ladeira.

A ideia será apresentada no espaço Orlandu’s, na BR-356, durante o grupo de discussão coordenado pela FGV Projetos, parceira do Sistema Fecomércio RJ na elaboração do Mapa. Durante as sete etapas regionais do evento, já foram recolhidas mais de 600 propostas apresentadas por empresários de Angra dos Reis, Miguel Pereira, Três Rios, Volta Redonda, Barra do Piraí, Valença e Teresópolis. 

Algumas delas, já colocadas em prática. É o caso da criação de um calendário de eventos na Costa Verde, idealizado após a etapa de Angra, no fim de março.

O crescimento em outras áreas também será discutido durante o evento. Itaperuna possui duas faculdades de Medicina e um público flutuante de cerca de oito mil estudantes, que também auxiliam no desenvolvimento do comércio local. A produção de leite e de carne seca, apontada como a maior do estado, também serão discutidas.

Últimas de Rio De Janeiro