Por gabriela.mattos

Rio - Uma parceria firmada entre o Museu de Arte do Rio (MAR) e o Sistema Fecomércio RJ irá garantir visitas educativas a 18.400 alunos de escolas municipais, estaduais e federais nos próximos oito meses. A assinatura do convênio, que irá incluir 460 instituições de ensino, ocorrerá hoje de manhã, garantindo o deslocamento de ônibus das turmas e acesso gratuito às exposições em cartaz. É o ‘Partiu MAR!’, que integra os programas de formação continuada com professores e as visitas educativas, que já fazem parte do cronograma do museu.

Os professores das escolas contempladas terão acesso a um projeto educacional, onde serão compartilhadas metodologias e abordagens pedagógicas das visitas, que ocorrerão entre setembro e abril do próximo ano. Depois, eles voltam ao museu com os alunos, com os ônibus colocados à disposição do projeto. Por enquanto, 30% das vagas já foram preenchidas a professores que farão o curso entre setembro e outubro.

Parceria garante capacitação a professores%2C deslocamento de ônibus ao museu e acesso às exposiçõesDivulgação

“Os programas de educação com professores e visitas educativas ocorriam paralelamente. Agora, teremos a oportunidade de integrar esses projetos, construindo uma agenda continuada para oferecer aos professores uma possibilidade de desdobramento em sala de aula”, avalia Janaína Melo, gerente de Educação do MAR.

O programa de formação aos professores terá quatro eixos. O ‘Guardar para lembrar’ discute com professores a ideia de construção de um acervo. O ‘Meu corpo no museu’ explora a interação do visitante com a exposição. O ‘Veja o Rio de Janeiro’ propõe um exercício de diferentes olhares sobre a capital, com análises urbanísticas, socioculturais, artísticas e até do imaginário do carioca. O ‘Práticas artísticas contemporâneas’ mostra a expansão do espaço de manifestações artísticas em outros territórios da cidade.

“A partir disso, acreditamos que o professor terá a possibilidade de ter uma experiência para a construção de práticas pedagógicas que possam ser desenvolvidas com os alunos antes, durante e depois da visita ao museu”, analisa Janaína Melo.

Exposição ‘A cor do Brasil’ exibe mais de 300 peças

A exposição ‘A cor do Brasil’, que permanecerá no Museu de Arte do Rio (MAR) até janeiro do próximo ano, será a primeira visitada pelos alunos após a parceria firmada com o Sistema Fecomércio RJ. A mostra traça a trajetória da arte brasileira desde o período colonial até o século XXI, reunindo mais de 300 peças vindas da Argentina, México e de outras 12 instituições espalhadas pelo país.

“A exposição mostra como a cor atravessa as obras e como é determinante na produção dos artistas”, explica Janaína Melo, gerente de Educação do MAR.

Inaugurado há quatro anos, o MAR integra o projeto de reestruturação da região portuária do Rio, que tinha como um dos principais pontos a construção do Boulevard Olímpico, um dos principais legados deixados pela Olimpíada do Rio.

O espaço, dedicado à arte e à cultura visual, fica em dois prédios na praça Mauá. Um deles, em estilo eclético, abriga o Pavilhão de Exposições. No outro, modernista, funciona a Escola do Olhar.

O projeto arquitetônico une as duas construções com uma cobertura de concreto, que remete a uma onda, e uma rampa, onde os visitantes chegam aos espaços das exposições.

Você pode gostar