Por gustavo.ribeiro

A cidade de Jundiaí, no interior de São Paulo, lançou um sistema inédito no país de pagamento da passagem nos ônibus nesta segunda-feira (7). Cinco linhas do terminal Vila Rami passaram a aceitar cartões de crédito e débito em dez veículos.  O objetivo é oferecer mais alternativas de pagamento para os passageiros, diminuindo a circulação de dinheiro no transporte público para aumentar a segurança do motorista e dos usuários.  

Dez linhas de ônibus em Jundiaí (SP) começaram a aceitar cartões de crédito e débito para pagamento da passagemDivulgação/ Prefeitura de Jundiaí

As linhas que já estão aceitando pagamento em cartão são: 582 – Paiol Velho, 583 – Residencial Anchieta, 584 – Terra Nova, 585 – Colégio Técnico e 586 – Vila Maringá. A prefeitura informou que tem a meta de expandir a novidade para os 270 coletivos da cidade, sem citar prazo.

Para efetuar o pagamento, o passageiro deve inserir o cartão na máquina e escolher as opções de crédito ou débito. Assim que a transação for autorizada, a catraca é liberada. Quem optar pelo cartão bancário pagará a tarifa normal, de R$ 3,80, enquanto os usuários do Bilhete Único pagam R$ 3. 

A prefeitura tem como objetivo atingir 15% dos passageiros que ainda não possuem o Bilhete Único e utilizam dinheiro nos ônibus. "São 120 mil passageiros por dia que utilizam o transporte público em Jundiaí. Cerca de 18 mil ainda pagam em dinheiro. Para reduzir a circulação de dinheiro no ônibus, esse público pode utilizar o cartão bancário”, disse o secretário de Transportes, Wilson Folgozi. 

Você pode gostar