Sem luz há dias, moradores protestam e fecham a Avenida Brasil

De acordo com a Light, energia ainda não foi restabelecida em trechos da Anchieta, Pavuna e em outros 'casos pontuais'

Por O Dia

Rio - Sem luz pelo quarto dia nesta semana, moradores da Rua Tambaú, em Ramos, Zona Norte, realizaram um novo protesto contra a Light e fecharam a pista lateral da Avenida Brasil, sentido Centro, na manhã desta sexta-feira, na altura do Viaduto Brigadeiro Trompowski, a saída da Ilha do Governador. Um grupo ateou fogo em sacolas de lixo, pneus e madeiras, por volta das 6h39, segundo o Centro de Operações da Prefeitura. Em outros pontos da cidade, cariocas vivem o mesmo problema.

Com a chegada dos bombeiros e de policiais do Batalhão de Polícia Rodoviária (BPRV), o fogo foi controlado e a Avenida Brasil foi parcialmente liberada ao tráfego, mas as retenções continuam. Por volta das 9h, o congestionamento ia até a altura do Trevo das Missões, o entroncamento da via com a Rodovia Washingtron Luiz (BR-040).

Moradores de Ramos protestam contra falta de energiaWhatsApp O DIA (98762-8248)

Os moradores daquela localidade já haviam realizado um protesto na noite desta quinta-feira. Na ocasião, um morador explicou, através do WhatsApp do DIA (98762-8248): "A Light veio pela manhã e fez um serviço de má qualidade. E agora à noite aconteceram pequenas explosões no poste onde havia crianças brincando na rua". Segundo ele, o fogo no poste já havia ocorrido na noite de quarta-feira, quando moradores ficaram sem os serviços de Internet, telefone e TV a cabo.

LEIA MAIS: Temporal deixa milhares de moradores sem luz por mais de 24 horas

Procurada pela reportagem, a Light informou que está enviando novamente uma equipe ao local nesta manhã. "Cabe ressaltar, que na localidade há muitas ligações clandestinas, que é crime, e prejudica a qualidade do fornecimento de energia além da dificuldade de acesso", afirmou a empresa, em nota.

Outros bairros sem energia

No comunicado enviado, a Light assume que trechos dos bairros de Anchieta e da Pavuna continuam sem luz na manhã desta sexta-feira. A empresa admite que em outros bairros o problema também ocorre, mas ressalta que são "casos pontuais".

A Light enfrenta dificuldades para restabelecer o fornecimento de energia na cidade. Segundo a empresa, o número de profissionais atendendo as ocorrências foi triplicado e eles trabalham de forma ininterrupta para restabelecer a energia nos locais afetados. Para a empresa, o problema foi causado pelas fortes chuvas ocorridas nos últimos dias, que colocaram o município em Atenção, conforme divulgou o Centro de Operações da Prefeitura. Na manhã desta quinta-feira, a Comlurb informou que suas equipes já haviam registrado ao menos 200 registros de queda de árvores e de galhos.

Ainda na nota, a Light pediu desculpas à população e disse que o tempo de restabelecimento depende da gravidade do problema. "Onde o tempo para restabelecer foi maior, como em Pavuna e Anchieta, o motivo foi o grande número de queda de árvores devido aos fortes ventos", afirmou.

Nas redes sociais, cariocas reclamam. Veja:

Últimas de Rio De Janeiro