Rio entra em estágio de Atenção e Zona Oeste registra temporal

Apesar de tempo encoberto, temperatura máxima será de 32ºC e calor não dará trégua

Por O Dia

Rio - O Centro de Operações da Prefeitura do Rio informou que o município entrou em Estágio de Atenção às 12h40 desta segunda-feira devido à atuação de núcleos de chuva moderada a forte que atuam na cidade, principalmente nas regiões da Zona Oeste. Segundo a Infraero, o aeroporto Santos Dumont está fechado desde 15h54 para pousos e decolagens.

VEJA GALERIA DE FOTOS

Segundo o Alerta Rio, por volta de 18h20, havia registro de chuva moderada no Vidigal (5,6mm), Rocinha (4,8mm), Alto da Boa Vista (3,8mm) e Urca (3,6mm). O Alerta Rio ainda informa, que os núcleos de chuva moderados/fortes, que atuavam na Zona Sul e região do Centro perderam força.

Na Avenida Ministro Ivan Lins já existem pontos de alagamentoReprodução Twitter

A passagem de uma frente fria pelo litoral do estado do Rio está deixando o tempo instável na capital fluminense. A previsão é de céu nublado a encoberto, com pancadas de chuva ao longo do dia. Apesar da chuva, o calor não dá trégua e a temperatura máxima para esta segunda é de 32 ºC

Chuva alagou a Rua do Riachuelo%2C na Lapa%2C nesta segunda-feiraWhatsApp O DIA (98762-8248)

Segunda-feira tem previsão de chuva, mas calor não dará tregua

GALERIA: Amanhecer na Lagoa

Já no Grande Rio, a situação é de alerta para chuva forte em curto período de tempo e também chuva moderada e prolongada. Há risco de alagamentos, transbordamento de córregos e problemas causados por ventos fortes. Na região do Grande Rio, a chuva começou ainda de manhã.

Chuva inunda as ruas Mem de Sá e LavradioWhatsApp O DIA (98762-8248)
Chuva forte atingiu o Maracanã na tarde desta segunda-feiraWhatsApp O DIA (98762-8248)

 

Lago da Glória.

Publicado por Dirley Fernandes em Segunda, 29 de fevereiro de 2016

Segundo o Centro de Operações da Prefeitura do Rio devido à chuva que atingiu a cidade nas últimas horas foi acionado, de forma preventiva, o Sistema de Alerta e Alarme Comunitário da Prefeitura do Rio em duas comunidades da Zona Sul da cidade. As sirenes dos morros do Chapéu Mangueira e Babilônia foram disparadas por volta das 16h45 desta segunda-feira e os moradores orientados por agentes comunitários e da Defesa Civil Municipal a se dirigirem aos pontos de apoio. O índice pluviométrico nas duas comunidades atingiu 62,4 mm em apenas uma hora.

Ainda segundo o COR, a Defesa Civil não registrou, até o momento, ocorrências graves nas comunidades mais atingidas pela chuva e as equipes realizaram vistorias para verificar as condições estruturais dos imóveis das áreas de risco. Antes das sirenes tocarem, as lideranças comunitárias treinadas pela Defesa Civil já haviam informado aos moradores sobre a possibilidade de evacuação assim que receberam as mensagens nos celulares que a Prefeitura do Rio disponibilizou e que compõem o sistema de alerta preventivo.

Pedestres tiveram dificuldade em andar pelas ruas da cidade por causa da chuva e tiveram que improvisar%2C como foi na Rua Mem de Sá%2C na LapaErnesto Carriço / Agência O Dia

Últimas de Rio De Janeiro