Mais de nove mil queixas contra ônibus foram feitas em três meses no Rio

Dados são do movimento Rio Como Vamos e se refere ao primeiro trimestre de 2016. Número cresceu quase 20%

Por O Dia

Rio - Mais de nove reclamações foram abertas contra empresas de ônibus que circulam no Rio de Janeiro somente nos três primeiros meses de 2016. Segundo o movimento Rio Como Vamos, a principal queixa é o fato dos coletivos não pararem no ponto. Os dados tem como base o serviço 1746, da prefeitura. 

Segundo a organização, o número de reclamações cresceu quase 20% em relação ao mesmo período do ano passado. As regiões com maiores queixas continuam sendo Botafogo (1584), Centro (887) e Jacarepaguá (842).

LEIA MAIS

Consórcio Internorte entrega 70 novos ônibus com ar para a população

Procon autua consórcio BRT por ônibus que circulou com a porta solta

Principal reclamação é de motoristas que não param no pontoJoão Laet / Arquivo / Agência O Dia


Últimas de Rio De Janeiro