Pezão inaugura Linha 4 do metrô

Cinco estações vão ligar a Barra da Tijuca, na Zona Oeste, até Ipanema

Por O Dia

Rio - O governador licenciado Luiz Fernando Pezão inaugurou, na manhã deste sábado, a Linha 4 do metrô, que vai ligar a Barra da Tijuca, Zona Oeste do Rio, à Ipanema, na Zona Sul. Também participam da cerimônia o presidente interino Michel Temer, o governador em exercício Francisco Dornelles e o prefeito Eduardo Paes.

A previsão é que Temer assista a uma apresentação sobre a obra da Linha 4, ainda na estação Nossa Senhora da Paz, por volta das 10h40. Em seguida embarca para a estação Jardim Oceânico, na Barra, onde haverá a cerimônia de inauguração do novo trajeto do metrô carioca.

A segurança no bairro de Ipanema foi reforçada, com carros do Exército e soldados armados para receber a visita do presidente. Também há um veículo do Grupo Antibombas e do Corpo de Bombeiros, além da Polícia Militar. Em entrevista para jornalistas estrangeiros em Brasília, nesta sexta-feira, Temer disse está fazendo tudo o que é capaz para prevenir um ataque terrorista durante os Jogos Olímpicos, entretanto, não descartou a possibilidade de algum incidente.

"O governo está em alerta. O governo está tranquilo. Eu acredito que haverá paz durante os Jogos Olímpicos", disse Temer. "O que nós não podemos garantir é que alguém um pouco louco não faça algo estúpido", afirmou. O presidente em exercício deve retornar à Brasília às 12h40 deste sábado.

A previsão total de gastos na linha 4 do metrô Ipanema - Barra é de R$ 9,7 bilhões. A obra é do Governo do Estado com suporte financeiro do Governo Federal, em parceria público-privada (PPP) É a empreitada mais atrasada e cara dos Jogos Olímpicos: será inaugurada na segunda-feira, 1º de agosto, mas a princípio só para a "família olímpica" - usuários credenciados para os jogos. Inicialmente, o trecho deveria estar pronto no início de 2016, mas atrasos já deixaram uma das estações para 2018.

Novas estações

A nova linha é composta por cinco estações (Nossa Senhora da Paz, Jardim de Alah, Antero de Quintal, São Conrado e Jardim Oceânico) e, segundo estimativas do governo, 300 mil pessoas podem ser transportadas por dia, o que retiraria cerca de 2 mil veículos das duas ruas por hora/pico.

A estação General Osório, em Ipanema, ganhou novas plataformas de embarque e desembarque e um novo acesso à estação Lagoa. A obra, uma expansão da Linha 1, foi iniciada em junho de 2011, com escavações no subsolo entre Copacabana e Ipanema. Foram construídas três novas plataformas de embarque e desembarque de passageiros e aberto um túnel em rocha ligando Ipanema à Lagoa por dentro do maciço do Cantagalo.

O acesso Lagoa vai integrar o bairro ao sistema metroviário por meio da Estação General Osório e está localizado no canteiro central da Avenida Epitácio Pessoa, nas proximidades do Parque do Cantagalo. No local, haverá sinal de trânsito e faixa de pedestres, para facilitar a circulação do público. O Acesso Lagoa terá dois elevadores, três esteiras rolantes em cada sentido, duas escadas rolantes e duas fixas, para garantir acessibilidade.

Trânsito volta ao normal

Com a conclusão das obras, a Avenida Epitácio Pessoa será totalmente liberada ao trânsito neste sábado. O canteiro de obras, entre as ruas Vinícius de Moraes e Professor Gastão Bahiana, está sendo desmontado. A avenida voltará a ter três faixas de rolamento, tanto para quem segue sentido Corte do Cantagalo, quanto para quem vai para o Leblon.

Últimas de Rio De Janeiro