Pesquisa aprova os cem primeiros dias de Samuca em Volta Redonda

Prefeito foi avaliado a pedido de entidades de classes

Por O Dia

Rio - Uma pesquisa encomendada pela Associação Comercial, Industrial e Agropastoril de Volta Redonda (Aciap-VR), Sindicato da Indústria da Construção Civil do Sul Fluminense (Sinduscon-SF) e Câmara de Dirigentes Lojistas de Volta Redonda (CDL-VR), ao Instituto Orbital, revelou que 62% de 400 entrevistados aprovam o modo de governar do prefeito Samuca Silva (PV). A avaliação foi relacionada aos primeiros 100 dias de governo do novo prefeito.

Na pesquisa, 57,3% dos volta-redondenses ouvidos, disseram que consideram a atuação de Samuca como ótima (3,5%) e boa (53,8%) até aqui. Pouco mais de 12% consideraram sua administração ruim e 5%, péssima. As notas para o desempenho do prefeito em seus três primeiros meses de mandato, giraram em torno de 6,5 pontos, na média.

Samuca Silva se tornou prefeito de Volta Redonda neste anoDivulgação

O levantamento também apontou a visão da população sobre as características pessoais de Samuca. O prefeito foi considerado competente por 85,5% dos entrevistados, humilde por 79,3%, confiável por 75,8%, trabalhador (“trabalha muito”), por 64,8%, honesto por 70,8%, decidido por 76,3% e 79,8% dos entrevistados consideraram que ele “sabe o que está fazendo”.

A pesquisa também avaliou a forma como os volta-redondenses se sentem em relação á cidade onde vivem. A aprovação da cidade ficou em 86,5%, com 76% se dizendo satisfeitos e 10,5% se dizendo muito satisfeitos com o município, de moto em geral. Quando foram solicitados a darem notas para a cidade, 382 entrevistados se manifestaram e a média ficou em 7,4 pontos. Dezoito entrevistados não responderam.

As entrevistas foram realizadas entre os dias 4 e 6 de abril, com pesquisadores espalhados em todos os bairros da cidade, divididos de acordo com a população de cada bairro, segundo a direção da Orbital. A empresa garante que o nível de confiança da pesquisa é de 95%, com margem de erro de 5%. Veja os principais gráficos da pesquisa abaixo:

Últimas de Rio De Janeiro