Evento promete movimentar a economia de Itaperuna

Merco Noroeste (Feira Industrial e Comercial do Noroeste Fluminense) chega à 19ª edição e deverá atrair 40 mil pessoas, injetando cerca de R$ 10 milhões na região

Por O Dia

Rio - Itaperuna se prepara para receber a 19ª edição da Merco Noroeste — Feira Industrial e Comercial do Noroeste Fluminense. O evento, que começa hoje e vai até sábado, vai ser realizado no Espaço Unidos — BR-356, Km 1, no bairro Cidade Nova. Uma das principais feiras do interior do Estado do Rio, a Merco Noroeste vai reunir cerca de 120 expositores de diversos segmentos empresariais — indústria, agricultura, comércio e serviços, entre outros. São esperadas mais de 40 mil pessoas, movimentando cerca de R$ 10 milhões.

Com o objetivo de fomentar as diversas vertentes de negócios daquela região do estado, a Merco Noroeste contará também com pavilhões temáticos. Entre eles, o Pavilhão do Empreendedor, espaço destinado às novas ideias empresariais e oportunidades de investimentos, além da apresentação e divulgação de tecnologias inéditas.

Itaperuna se prepara para receber a 19ª edição da Merco NoroesteDivulgação

A feira contará ainda com o Pavilhão do Agronegócio, onde produtores rurais e especialistas vão poder debater as principais tendências do setor. No local também será realizao o Seminário de Agroecologia do Estado do Rio, além da Feira dos Produtores, onde serão expostos os principais produtos fabricados no interior fluminense.

Outro pavilhão que promete chamar a atenção é o da moda. Com cerca de 20 expositores, terá auditório para palestras e workshops com vários nomes do setor. A feira também terá espaço dedicado ao universo da beleza e cursos de fabricação de cerveja artesanal e de iniciação ao vinho. Evento terá ainda área reservada à criançada.

No quesito gastronomia, a Merco Noroeste promete não decepcionar. Afinal, vai contar com a segunda edição do Festival de Food Trucks. Nele, quitutes e petiscos variados, além de cervejas artesanais. Na parte musical, shows do baixista Rodrigo Santos (ex-Barão Vermelho) e das bandas Hey Joe e Charada Carioca.

Últimas de Rio De Janeiro