Por monica.lima
No papel principal de “Rita Lee Mora ao Lado”%2C a atriz Mel LisboaDivulgação

* Por Mariana Pitasse - [email protected]

Uma onda de musicais toma conta dos teatros brasileiros há algumas temporadas. Sejam adaptações da Broadway ou espetáculos baseados na vida de cantores e compositores, opção em cartaz é que não falta, principalmente no Rio e em São Paulo. Na capital carioca, o destaque da vez é a “Ópera do Malandro”. Uma das obras mais emblemáticas escritas por Chico Buarque, a peça é considerada um clássico do teatro musical brasileiro. Quase quatro décadas após a estreia original (1978), o malandro aparece nos palcos outra vez em uma nova montagem, com direção de João Falcão. Inspirado em ‘A Ópera do Mendigo’ (1728), de John Gay, e em ‘A Ópera dos Três Vinténs’ (1928), de Bertolt Brecht e Kurt Weill, o musical conta a história do contrabandista Max, que casa em segredo com Teresinha, filha de Duran, poderoso dono de bordéis e cabarés da Lapa dos anos 1940. Já na capital paulista, "Cazuza Pro Dia Nascer Feliz - O Musical" reestreia após elogiada temporada carioca. No palco, o ator Emilio Dantas interpreta Cazuza e alguns dos maiores clássicos do cantor para contar a história de sua vida.

Após arrancar críticas positivas pela atuação de Emílio Dantas como Cazuza na primeira temporada, o espetáculo “Cazuza Pro Dia Nascer Feliz — O Musical” desponta como mais uma biografia cantada bem sucedida. Com estreia em São Paulo marcada para amanhã, a temporada segue até outubro no Teatro Procópio Ferreira, na Rua Augusta.

Uma das fórmulas mais adaptadas ao teatro musical brasileiro, após “Elis - A Musical”, baseado em Elis Regina, “Tim Maia — Vale Tudo, O Musical”, que conta a trajetória de Tim Maia, e “Deixa Clarear”, inspirado na vida de Clara Nunes, as peças criadas a partir da história de cantores famosos aparecem como certeiros sucessos de público.

Em meio a tantos expoentes do gênero, o musical “Rita Lee Mora ao Lado” estreou de forma tímida em abril deste ano e cresceu ao longo dos meses. Com texto de Paulo Rogério Lopes, Márcio Macena e Débora Dubois, a peça é uma adaptação teatral do livro “Rita Lee Mora ao Lado — Uma Biografia Alucinada da Rainha do Rock”, de Henrique Bartsch. Trazendo uma carismática Mel Lisboa no papel principal, que se aproxima da irreverência da rainha do rock, a montagem conquistou o público com as canções mais famosas da cantora. Devido à grande procura por ingressos no final da temporada, o espetáculo estende apresentações até o dia 31 de agosto no Teatro das Artes, em São Paulo.

Com objetivo de recriar a atmosfera artística paulistana dos anos 1920, “Sampa — o Musical” reúne vários ritmos e referências da época. Com cenário inspirado no modernismo brasileiro, o espetáculo tem como pano de fundo o Bixiga, tradicional bairro paulistano localizado no coração da metrópole. Em cena, o escritor Oswald de Andrade, interpretado por José Rubens Chachá, passeia por composições consideradas marcas do repertório popular como Adoniram Barbosa, Paulo Vanzolini, Eduardo Gudin, Dorival Caymmi, Monarco, Ataulfo Alves, Paulinho da Viola e Vinícius de Moraes. O musical é atração permanente do Terra da Garoa, com apresentações acompanhadas pelo cardápio de jantar da casa.

Outra opção em cartaz é o espetáculo“A Bela e a Fera”, uma das histórias mais adaptadas para o teatro musical. A montagem, que já atraiu quase 1 milhão de espectadores na América Latina, tem direção assinada por Billy Bond e chega à capital carioca na próxima quarta-feira, dia 23, para curta temporada.

ONDE CONFERIR

“Ópera do Malandro”
Em cartaz no Theatro Municipal do Rio até dia 19/07. Reestreia de 08/08 a 26/10 no Theatro Net Rio. Ingressos no ingresso.com.

“Cazuza — Pro Dia Nascer Feliz , O Musical”
Em cartaz no Teatro Procópio Ferreira , em São Paulo, de 18/07 a 26/10. Ingressos no ingressorapido.com.br.

“Rita Lee Mora ao Lado “
Em cartaz no Teatro das Artes, em São Paulo, até 31 /08. Ingressos no ingresso.com. br.

“Sampa — o Musical”
Espetáculo permanente da casa Terra da Garoa, em São Paulo. As apresentações acompanham o cardápio de jantar da casa. Ingressos no ingressorapido.com.

“A Bela e a Fera”
Em cartaz no Teatro Bradesco Rio, de 23 /07  a 04/08. Ingressos no ingressorapido.com.

As duas facetas de Millôr Fernandes em destaque no livro ‘Millôr 100 + 100’

Millôr Fernandes possuía um raro talento para a escrita. O jornalista e humorista conseguia dar tiros certeiros com poucas palavras. Mas seu trabalho no campo da criação não se exprimia somente pelas letras. Durante sua intensa carreira, que durou mais de 60 anos, Millôr se revelou um exímio desenhista. As duas facetas desse ícone da imprensa brasileira na segunda metade do século XX são articuladas no livro “Millôr 100 + 100: Desenhos e Frases”, que o Instituto Moreira Salles (IMS) lança no dia 31 de julho, às 20h, durante a 12ª edição da Flip.

Trata-se do primeiro fruto da exploração dos desenhos de Millôr Fernandes no acervo do artista sob guarda do Instituto — uma coleção composta por 7.858 itens. Coube ao jornalista Sérgio Augusto o trabalho de garimpo das “sacadas” escritas de Millôr. Já a seleção das imagens que conversassem com máximas como “o gourmet é um comilão erudito” e “especialista é o que só não ignora uma coisa” foi conduzida pelo desenhista Cássio Loredano.

A casa do IMS na Flip também abrigará uma exposição dedicada ao artista com desenhos e frases do livro que será lançado. O horário de visitação será de quinta a sábado, das 10h às 22h e, no domingo, das 10h às 16h.

ONDE ASSISTIR

O lançamento do livro acontece no dia 31/07, às 20h. A casa do IMS na Flip 2014 se localiza na Rua do Comércio, nº 13 - Centro Histórico, Paraty - RJ

Uma festa para a diversidade no Museu do Imigrante

As representações culturais das múltiplas nacionalidades que compõem a diversidade cultural de São Paulo estão reunidas na 19ª edição da Festa do Imigrante, promovida pelo Museu do Imigrante, em São Paulo. Dividida entre atrações gastronômicas, artísticas e musicais, a festa acontece neste domingo, dia 20, e no próximo final de semana, nos dias 26 e 27. Organizada há 19 anos pelo Museu da Imigração, o evento resgata um pouco da história dos mais de 2,5 milhões de pessoas que passaram pela antiga Hospedaria dos Imigrantes do Brás, onde fica o museu, recentemente reinaugurado. Com público formado por mais de 18 mil pessoas no ano passado, esta edição homenageia mais de 40 nacionalidades, organizadas em 43 expositores de alimentação, 41 grupos de música e dança e 31 artesãos. O evento ainda dá acesso à “Migrar: Experiências, Memórias e Identidades”, nova exposição de longa duração do Museu. Dividida em oito módulos, a mostra conta como o processo migratório é um fenômeno permanente na história da humanidade.

NOTAS

Szabó em cartaz na Caixa Cultural do Rio

Até o próximo domingo dia 27, a mostra “O Cinema de István Szabó” está em cartaz na Caixa Cultural do Rio. Entre os principais filmes do diretor húngaro em exibição está “Mephisto”, vencedor do Oscar e Melhor Roteiro e Crítica em Cannes, em 1982.

Festejos indígenas ocupam Parque Lage

O Parque Lage será tomado, a partir de amanhã, por uma grande oca dos Huni Kuin, maior população indígena brasileira. A montagem faz parte do lançamento de ”Una Isi Kayawa – Livro da Cura”, que ainda conta com cantos, oficinas, danças e uma mostra de filmes.

Brunello faz concertos com OSM, em SP

O violoncelista italiano Mario Brunello é o próximo convidado da Orquestra Sinfônica Municipal. Sob a regência do maestro russo Alexandre Sladkovskiy, a orquestra se apresenta neste sábado, dia 19, às 20h, e domingo, dia 20, às 11h, no Theatro Municipal de São Paulo.

Você pode gostar