Por monica.lima
Anuário Vinhos do Brasil 2015Divulgação

Foram 700 rótulos de 87 produtores nacionais degustados por sommeliers e enólogos na Grande Prova de Vinhos do Brasil. Eles se reuniram durante três dias em um hotel e escolheram os melhores em 22 categorias.

O resultado está no Anuário Vinhos do Brasil 2015, que já está nas bancas. “É uma publicação que já se tornou referência para o mercado e que mostra a evolução na qualidade dos produtos brasileiros. Além disso, a Grande Prova coloca lado a lado pequenos e grandes produtores, o que permite que todos sejam valorizados da mesma forma”, avalia o conselheiro do Ibravin e presidente do Sindicato da Indústria do Vinho, do Mosto de Uva, dos Vinagres e Bebidas Derivadas da Uva e do Vinho do Estado do Rio Grande do Sul (Sindivinho RS), Gilberto Pedrucci.

Os selecionados foram:

Melhor Espumante Brut Branco: Cave Geisse Brut 2012, Vinícola Geisse

Melhor Espumante Brut Rosé (Empate): Espumante Bossa Nº3, Vinícola Hermann, e Espumante Yoo Boutique Brut Rosé, Décima

Melhor Espumante Extra-Brut/Nature: Espumante Extra Brut 2014, Vinícola Geisse

Melhor Espumante Prosecco/Glera: Espumante Aurora Prosecco, Aurora

Melhor Espumante Moscatel Branco: Espumante Moscatel Pedrucci 2013, Pedrucci

Melhor Espumante Demi-Sec Branco: Espumante Demi-Sec, Courmayeur

Melhor Espumante Moscatel/Demi-Sec Rosé: Espumante Casa Perini Aquarela Moscatel Rosado, Perini

Melhor Chardonnay: Cerro Da Cruz Chardonnay 2012, Nova Aliança

Melhor Sauvignon Blanc: Miolo Reserva Sauvignon Blanc 2014, Miolo Wine Group

Melhor Gewüztraminer: RAR Collezione Gewürztraminer 2011, Miolo Wine Group

Melhor Moscato: Moscato Giallo 2014, Giacomin

Branco de Outras Castas e Cortes: Quiron Chardonnay / Sauvignon Blanc 2013, Cattacini

Tinto Cabernet Sauvignon: Aurora Cabernet Sauvignon Millesime 2011, Aurora

Melhor Merlot: Monte Paschoal Dedicato Merlot 2013, Basso

Melhor Tannat: Tannat Casa Venturini Reserva 2012, Venturini

Melhor Pinot Noir: Viapiana Pinot Noir 2012, Viapiana

Melhor Cabernet Franc: Dunamis Cabernet Franc 2012, Dunamis

Melhor Marselan: Cave Antiga Marselan 2007, Cave Antiga

Melhor Tinto de Outras Castas: Ancellotta Reserva 2014, Giacomin

Melhor Tinto Corte: Épico, Guatambu

Melhor Rosé: Macaw Tropical Frisante Rosé, Perini

Melhor Doce/Fortificado: Reggio Di Castela 2004, Irmãos Molon

OUTROS COPOS

Espaço reservado

O uísque Chivas Regal inaugurou seu mais novo hotspot no terraço do shopping JK Iguatemi, em São Paulo. Criado para fomentar discussões e empreendedorismo social, o espaço tem bar com drinks exclusivos e venda de produtos da marca. Ele vai funcionar de quinta a sábado até 3 de junho, com debates sobre diferentes segmentos, como economia colaborativa e inovação em grandes empresas.

Carta de cerveja

O tailandês Sawasdee, acaba de lançar nova carta de cervejas para a temporada, que conta, agora, com 12 sugestões. Entre as opções estão a Jeffrey Niña, witibier carioca com toque de limão siciliano e semente de coentro, e a alemã Paulaner Original.

Laranja e rosa

A mixologista Sandra Mendes se inspirou no seriado Orange is The New Black para criar o novo drinque do Teto Solar, em Botafogo. Ele é feito com Martini à base de vodca, sucos de laranja e siciliano, água de flor de laranjeira e toque de amaretto. Outra novidade é o Rosemary’s Garden, com Martini à base de gin, chá de hibiscus, limão, cranberry e água de rosas.

Mãe cervejeira

Para os filhos que querem iniciar as mães no universo cervejeiro, a BeerCode preparou um kit com as cervejas de trigo da marca alemã Schneider. Esse tipo de cerveja é o primeiro passo para explorar novos horizontes. A cada quatro rótulos escolhidos, o cliente ganhará um copo de degustação, o que contribui na análise sensorial da cerveja, como a volatilização dos aromas.

Casamento perfeito

A Bráz resolveu fazer em casa a união perfeita. Conhecida por suas deliciosas pizzas, acaba de lançar seu vinho, o Mazzei per Bráz 2012, elaborado com 80% Sangiovese e 20% Alicante Nero. Produzido e engarrafado na vinícola italiana Mazzei, ele é rubi intenso, com aroma de cerejas, especiarias e chocolate.

Para beber antes de morrer

O espumante Cave Geisse foi o único brasileiro da categoria indicado no livro 1001 Vinhos para Beber Antes de Morrer 2015. O livro de Neil Becktt, junto com uma equipe de 44 especialistas, reúne resenhas sobre os mais notáveis vinhos produzidos em todo o mundo, explicando porque são especiais, com referência de preço e sugestão da época ideal para consumi-los.

Você pode gostar