Por monica.lima

A temporada de 2014 está dando uma bela lição em quem acredita que dinheiro é a receita do sucesso nos gramados. E a maior lição vem justamente da Espanha, país onde nasceu a teoria da “espanholização”, segundo a qual clubes com maior poderio econômico como Real Madrid e Barcelona teriam a supremacia absoluta nos campos. Mas o Atlético de Madrid resolveu desafiar essa tese. No último final de semana, o tradicional e “pobre” clube Colchonero desbancou o milionário Barça e conquistou seu décimo título na Liga Espanhola, feito não alcançado desde a temporada 95/96. E não para por aí.

O Atlético de Madrid ocupa a 20ª posição no ranking dos clubes que mais faturaram no mundo em 2012/2013Curto de La Torre/AFP

No próximo sábado, o time dos brasileiros Miranda, Filipe Luís, Diego e Diego Costa, este último naturalizado espanhol, poderá escrever a mais bela página de sua história, se derrotar o vizinho e arquirrival Real Madrid na final da Europa Champions League, o mais badalado torneio de clubes do mundo. Será um feito e tanto para uma associação que ocupa apenas a 20ª posição no ranking dos clubes que mais faturaram no mundo em 2012/2013, com € 120 milhões, quase cinco vezes menos do que o adversário de sábado, que está no topo da lista há nove temporadas consecutivas.

Na América do Sul ocorre fenômeno semelhante. Os quatro semifinalistas da Libertadores não são os clubes mais ricos e tradicionais de seus países. Donos das melhores estruturas e maiores receitas do continente, os times brasileiros foram eliminados das semifinais. No futebol, dinheiro nem sempre traz ou compra felicidade.

Copa tem risco de apagão tecnológico

“Durante a Copa vai ser um caos”. Assim Nelson Fanaya, diretor de marketing do Atlético Paranaense, definiu a estrutura de internet para o público que irá assistir aos jogos do Mundial na Arena da Baixada. A frase foi dita em uma apresentação no 3º Seminário Business FC, realizado semana passada em São Paulo. Quem esteve nas arquibancadas da Arena Corinthians no domingo também sofreu para acessar a rede.

Arena terá a maior loja Poderoso Timão

Maior rede de lojas licenciadas de clubes do Brasil, a Poderoso Timão terá também o maior ponto de venda do gênero do país. A SPR Franquias, empresa proprietária da marca, irá inaugurar uma megastore de 1,100 mil m² na área interna da Arena Corinthians. O empreendimento será administrado em conjunto com a Nike, fornecedora oficial de material esportivo do clube. A previsão é que a loja seja aberta até dezembro.

Número da semana

R$ 60,6 mi: Esse é o valor do novo salário anual de Messi no Barcelona. A adequação contratual elevou os rendimentos de La Pulga, como os argentinos tratam seu ídolo, em R$ 12,1 milhões. Com isso ele voltou a ser o jogador de futebol mais bem pago do mundo, deixando para trás Cristiano Ronaldo, que fatura R$ 54,5 milhões por temporada

INVESTCRAQUE

Edmundo Animal, Ex-atacante da Seleção

Ídolo das torcidas de Palmeiras e Vasco, Edmundo “Animal” quase teve a chance de mudar o destino do Brasil na final da Copa de 98. Um dos melhores atacantes do mundo na época, ele chegou a ser escalado por Zagallo no lugar de Ronaldo Fenômeno, que horas antes da partida sofreu uma estranha convulsão. Mas com a melhora do R9, ele acabou vendo a goleada da França do banco de reservas. Hoje comentarista da Band, Edmundo, que tem em seus planos ser presidente do Vasco, divide seus investimentos em imóveis para locação (25%), aplicações bancárias tradicionais (25%), na sua empresa de entretenimento, a ED Eventos (25%), propriedades particulares e numa pequena participação na casa de shows Barra Music, no Rio.

Você pode gostar