A pátria das pranchas

Com as conquistas da nova geração de surfistas brasileiros, grandes empresas passam a apostar no esporte

Por O Dia

O brasileiro Filipe Toledo venceu a etapa de Gold Coast%2C na Austrália%2C a primeira da temporada de 2015Divulgação

Por muito tempo se questionou porque o Brasil, um país com mais de oito mil quilômetros lineares de litoral, não conseguia produzir um campeão mundial de surfe. Várias teses foram levantadas. Entre elas, que as ondulações daqui não possuíam qualidade e consistência e os surfistas brazucas não tinham estrutura emocional para suportar as agruras de uma longa e dura temporada pelas ondas do planeta. Alguns até chegaram a sonhar com a glória, como o paraibano Fábio Gouveia nos anos 90 e, mais recentemente, Adriano de Souza, o Mineirinho. Porém, uma nova e talentosa geração de surfistas, a maioria deles locais do litoral paulista, soterrou na areia qualquer tese e desconfiança sobre a capacidade dos atletas brasileiros dos mares.

O líder da chamada Brazilian Storm, a tempestade brasileira, é Gabriel Medina, o garoto dourado de Maresias, que colocou o Brasil na crista da onda do surfe mundial. Neste final de semana, outro paulista mostrou que Medina não é uma estrela solitária no outside, zona onde os surfistas pegam as ondas. Natural de Ubatuba, Filipe Toledo, 19 anos (foto), venceu a etapa de Gold Coast, na Austrália, a primeira da temporada de 2015. Além do vencedor e mais novo competidor do circuito, três dos quatro semifinalistas da competição eram brasileiros. Os reflexos do sucesso no mar já são vistos fora dele. Grandes empresas como a Ambev passaram a apostar no esporte. Montadoras têm o surfe como pano de fundo da publicidade de seus produtos. Parece que a imagem do surfista vagabundo ficou tão fora de moda quanto uma prancha de madeira compensada.

Desempenho e BB garantem Nasr na F-1

Felipe Nasr fez história ao conquistar a melhor colocação de um piloto brasileiro em uma estreia na F-1. O quinto lugar no GP da Austrália, somado aos R$ 40 milhões de patrocínio do Banco do Brasil à Sauber, devem garantir a presença de Nasr nas outras provas do ano. Quem deve perder o lugar para o holandês Giedo van der Garde, que foi à Justiça brigar pelo direito de competir pela equipe, é o sueco Marcus Ericsson.

O primeiro ano do Instituto do Tênis

Ação criada pelo Instituto do Tênis, entidade que conta com apoio do Banco Itaú e da Fundação Lemann, esta capitaneada pelo empresário Jorge Paulo Lemann, o projeto Massificando o Tênis completa um ano de atividade. Nesse período ensinou noções do esporte a 1,2 mil crianças em seus seis núcleos: Campinas (SP), Itapevi (SP), Santana do Parnaíba (SP), Araçariguama (SP), Belém (PA) e Salvador (BA).

Número da semana

R$ 119 mi: Esse foi o investimento total feito por clubes da China na contratação de jogadores brasileiros para o prosseguimento da temporada 2014/2015. Pela primeira vez na história, o país asiático liderou o ranking de negociações no mercado brasileiro. Portugal veio na sequência, com R$ 79 milhões

INVESTCRAQUE
Edmundo “Animal”, ex-atacante da Seleção Brasileira

Ídolo das torcidas de Vasco e Palmeiras, a carreira do ex-atacante Edmundo poderia ter tomado outro rumo naquela tarde de 12 de julho de 1998. Poucos minutos antes de Brasil e França entrarem em campo para decidir a Copa de 98, o nome de Edmundo apareceu entre os titulares da Seleção no lugar de simplesmente Ronaldo Fenômeno, o melhor jogador do mundo na época. R-9 havia sofrido uma convulsão, o que levou o técnico Zagallo a incluir o atacante na primeira escalação do time. Mesmo abalado, Ronaldo acabou entrando em campo na derrota por 3 a 0 para os franceses. Edmundo garante que se tivesse jogado o destino da Seleção poderia ter sido outro. Aposentado dos gramados e comentarista na Band, ele divide seus recursos em várias frentes. Cerca de 25% estão investidos em imóveis para locação. Outros 25% em aplicações bancárias. O restante, em sua empresa de entretenimento, a ED Eventos, além de participação minoritária na casa de shows Barra Music, no Rio de Janeiro.

Últimas de _legado_Notícia