Processos fora de campo afetam performance de Neymar

Ainda não é possível prever quais serão os danos à imagem do jogador mais valioso, mais bem pago e mais carismático do país. Mas é certo que serão inevitáveis. Dentro e fora do gramado

Por O Dia

A suspensão de quatro jogos tirou Neymar da Copa América e praticamente acabou com o sonho de ser eleito o melhor do mundoDivulgação

Há duas semanas esta coluna previa que o desempenho de Neymar na Copa América seria decisivo para que o único craque brasileiro em atividade tivesse chances reais de conquistar o maior de todos os objetivos de um jogador de futebol: ser eleito o melhor do mundo. Além disso, sua atuação no Chile definiria o próprio destino da seleção no torneio. Porém, o texto alertava que a perfomance de Neymar em campo estaria diretamente associada a maneira como ele e seu pai lidariam com os problemas e processos que enfrentam fora dele. O último deles foi a aceitação da justiça espanhola da ação movida pela DIS, que detinha 40% dos direitos federativos do craque, contra a dupla e a empresa da família. A empresa foi aos tribunais pois se sentiu lesada na controversa negociação do atacante com o Barcelona, em 2013. À DIS se juntou ao Santos, seu ex-clube, que também aciona o jogador e seu pai.

Nos próximos dias a Receita Federal deve anunciar os resultados de sua sigilosa investigação sobre a negociação, na qual o jogador teria recebido cerca de € 40 milhões. Há fortes indícios de sonegação fiscal. Há até o risco de prisão do pai, hipótese remota. Mas dificilmente eles escaparão de multas pesadas, tanto no Brasil como na Espanha. A notícia do novo processo foi veiculada horas antes da partida contra a Colômbia. Poucas vezes se viu um Neymar tão irritado e nervoso em campo. Seu descontrole culminou com a expulsão ao final da partida, após se desentender com adversários e ter ofendido o árbitro. A suspensão de quatro jogos, da qual a CBF decidiu não recorrer, tirou o capitão brasileiro da Copa América e praticamente acabou com o sonho de ser eleito o melhor do mundo em 2015. Ainda não é possível prever quais serão os danos à imagem do jogador mais valioso, mais bem pago e mais carismático do país. Mas é certo que serão inevitáveis. Dentro e fora de campo.

Futebol Melhor perto da marca do milhão

Em no máximo 15 dias o Movimento por um Futebol Melhor deverá atingir a marca de um milhão de sócios-torcedores. Essa é a projeção da Ambev, empresa que criou a ação em janeiro de 2013. De sua criação até hoje, o número de clubes participantes saltou de 15 para 63. No início da iniciativa, os times contavam com cerca de 158 mil sócios. Apesar do avanço do Palmeiras, o Internacional ainda lidera o ranking.

Gestor das arenas em e-mail suspeito

Principal executivo da Odebrecht na gestão do Maracanã e das arenas Fonte Nova e Pernambuco, Dênio Cidreira  é um dos destinatários de um e-mail no qual outro diretor da empresa pede que o ex-governador Sérgio Cabral interceda para incluir a empreiteira no consórcio que constrói o Comperj, no Rio. No entanto, até o momento Cidreira não teve seu nome envolvido na Lava-Jato.

Número da semana

R$ 5,3 bi: Esse é o custo estimado pela Roma para a construção de sua nova arena, que será erguida nos arredores da Cidade Eterna. O projeto do complexo, que foi inspirado nas linhas do famoso Coliseu, foi enviado à aprovação da Prefeitura da cidade. Com o novo estádio, a Roma espera desafiar a hegemonia da Juventus.

EM ALTA

Jordan Spieth, americano prodígio do golfe

Aos 21 anos, o americano Jordan Spieth conseguiu uma façanha de gente grande. No domingo, venceu o US Open de Golfe. Foi o mais jovem a vencer o torneio desde 1923. É o segundo grande título da carreira de Spieth, que recentemente venceu o tradicional Masters de Augusta.

EM BAIXA

Kimi Raikkonen, piloto de F-1 da Ferrari

O finlandês não deve virar o ano como piloto da Ferrari. No domingo ele fez mais uma barbeiragem e acabou de fora do GP da Áustria, levando consigo a McLaren de Fernando Alonso. A direção da escuderia perdeu a paciência e já procura um novo parceiro para Sebastian Vettel.

Últimas de _legado_Notícia