Mundo & Ciência

Congresso chileno aprova Lei de Identidade de Gênero

Projeto foi aprovado com 95 votos a favor e 46 contra

Atualizado às 12/09/2018 15:21:24

Valparaíso - A Câmara de Deputados chilena aprovou nesta quarta-feira a Lei da Identidade de Gênero que permite a mudança de nome e sexo para maiores de 18 anos e de menores entre 14 e 18 anos com autorização dos pais ou tutores legais.

O projeto, que já havia recebido sinal verde do Senado no início de setembro, foi aprovado com 95 votos a favor e 46 contra no final de um acalorado debate no parlamento de Valparaíso.

Com esta aprovação, se coloca fim a mais de cinco anos de tramitação legislativa.

  • Servidor -  21/09/2018
  • Lei do Refis sai publicada nesta sexta-feira no DO do estado
  • Mundo & Ciência -  19/09/2018
  • Facebook é acusado de discriminação sexista em anúncios de emprego
  • Porta-voz da empresa responde e afirma que não há lugar para discriminação no Facebook
  • Rio de Janeiro -  18/09/2018
  • MP quer suspensão de lei de ocupação do solo que beneficia milícias
  • Ação foi fundamentada em estudo do Grupo de Apoio Técnico Especializado (GATE Ambiental), que demonstrou a ausência de qualquer análise prévia sobre o impacto da nova legislação no meio ambiente
  • Brasil - 25/09/2018
  • Na ONU, Temer fala sobre venezuelanos e diz que Brasil tem orgulho de acolhimento
  • Diversão - 25/09/2018
  • Maisa Silva comemora um ano de relacionamento com Nicholas Arashiro
  • Apresentadora recebeu felicitações dos fãs nas redes sociais
  • Rio de Janeiro - 25/09/2018
  • Polícia Militar realiza operação em busca de PM sequestrado em Santa Cruz
  • Nesta segunda-feira, o Portal dos Desaparecidos divulgou o cartaz com a foto do cabo pedindo informações sobre o seu paradeiro