Porsche lança linha 718 com retorno do motor seis cilindros

Versões topo de linha terão propulsor aspirado de 420 cv e câmbio manual

Por O Dia

O novo motor boxer tem como base propulsor 4.0 instalado na linha 911 Carrera. Ganho de força foi de 40 cv
O novo motor boxer tem como base propulsor 4.0 instalado na linha 911 Carrera. Ganho de força foi de 40 cv -

Rio - Motor naturalmente aspirado de seis cilindros. Essas são as credenciais dos novos modelos topo da linha 718 da Porsche — Cayman GT4 e Boxster Spyder. A dupla, já confirmada pela marca para o mercado brasileiro, inaugura o retorno do motor boxer que havia sido substituído pelo quatro cilindros turbos nas linhas anteriores.

Segundo a Porsche, o motor naturalmente aspirado capaz de entregar até 420 cv de potência e 42,9 kgfm de torque é baseado na mesma família de motores turbo da atual série de modelos 911 Carrera. Montado na posição central-traseira, o propulsor oferece o sistema de controle adaptativo de cilindros que, em velocidade reduzida, reduz o número de cilindros utilizados para diminuir o consumo de combustível.

O novo motor aspirado também apresenta sistema de controle de emissão de filtros de partículas a gasolina para uma entrega de potência linear e respostas imediatas. Todo o conjunto vem associado ao câmbio manual de seis marchas. A tração, como manda o figurino, é traseira. Afinal de contas, diversão em primeiro lugar.

Graças ao conjunto, a Spyder e Cayman conseguem chegar aos 100 km/h em 4,4 segundos. Só há diferença entre os dois quando o assunto é a máxima alcançada. Por causa da capota, o Boxter Spyder chega até os 301 km/, enquanto o GT4, que tem teto fixo, pode ir 304 km/h.

Mudança de design

Além da motorização, a dupla passou por uma suave reestilização que mudou o design do para-choque dianteiro, em relação as linhas anteriores. No caso do GT4, a traseira foi inspirada na versão ClubSport, que adiciona a asa traseira fixa e um difusor ao para-choque da parte de trás.

Para o Spyder, os ajustes na traseira incluem uma nova tampa do porta-malas com duas áreas saltadas. A porção do veículo ainda conta com um aerofólio retrátil que é içado automaticamente quando o carro supera os 120 km/h. As mudanças, segundo a marca, garantiram aos modelos uma melhora em downforçe de 50%, quando comparados com a linha anterior. Isso sem aumentar o arrasto.

No interior, chama a atenção a nova manopla do câmbio mais curta, o revestimento dos bancos em Alcantara e os detalhes em alumínio escovado (no caso do GT4) ou na cor da carroceria ( para o Spyder) no painel do carro.

A nova dupla 718 também divide o chassi e o sistema de suspensão ativa da Porsche. O conjunto conta com amortecedores adaptativos. A altura em relação ao solo ficou 30 mm menor que a medida das outras versões da linha. O novo ajuste reduziu o centro de gravidade.

Segundo a Porsche, o conjunto de freios dos novos modelos agora tem pinças de alumínio de alto desempenho. Há ainda como adicionar discos de cerâmica ao conjunto.

A dupla já está disponível para encomendas lá fora. Spyder e GT4 são vendidos por 93 mil e 96 mil euros, respectivamente, (R$ 403 mil e R$ 416 mil, em conversão direta, desconsiderando impostos a serem pagos).

 

Galeria de Fotos

O novo motor boxer tem como base propulsor 4.0 instalado na linha 911 Carrera. Ganho de força foi de 40 cv fotos Divulgação
mercado brasileiro ainda este ano, com preços acima dos R$ 500 mil. Modelos têm rodas de 20 polegadas inspiradas em versão esportiva do 911 Divulgação
Porsche 718 Cayman GT4 e Spyder Boxster Divulgação
Porsche 718 Cayman GT4 e Spyder Boxster fotos Divulgação
Porsche 718 Cayman GT4 e Spyder Boxster Divulgação
Porsche 718 Cayman GT4 e Spyder Boxster Divulgação
Porsche 718 Cayman GT4 e Spyder Boxster Divulgação

Comentários