Renan se encontrará com Dilma para tratar de sua ida ao Senado

Conversa aconteceria nesta quinta, mas presidente do Senado viaja ao Rio acompanhando o presidente interino Michel Temer

Por rafael.nascimento

Brasília - A pedido da presidente afastada Dilma Rousseff, o presidente do Senado Renan Calheiros (PMDB-AL), se encontrará com a petista, às 11h desta sexta-feira, para acertar os últimos detalhes de sua participação, na sexta-feira dia 29, sobre sua defesa no julgamento final do processo de cassação.

O encontro estava marcado para às 15h dessa quinta-feira, mas foi mudado para a sexta, já que Calheiros viaja para o Rio de Janeiro, com o presidente interino Michel Temer. Calheiros já havia informado ao presidente do Supremo Tribunal Federal (STF) Ricardo Lewandowski, que iria conversar com Rousseff.

Nessa quinta-feira, a presidente Dilma informou que vai pessoalmente ao Congresso Nacional defender das acusações, na qual é acusada por crime de responsabilidade fiscal.

O encontro, até agora não está na agenda oficial do presidente, acontecerá no palácio da Alvorada.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia