Acusado de matar mulher em frente a filha, em Porto Alegre, é preso

O homem, que foi reconhecido por testemunhas, confessou o crime. Vítima foi morta durante assalto

Por rafael.nascimento

Porto Alegre - A Polícia Civil do Rio Grande do Sul prendeu um homem acusado de matar Cristiane Fagundes, 44 anos, na frente da filha, uma adolescente de 17 anos, em Porto Alegre. O crime aconteceu no último dia 25. O homem foi reconhecido por testemunhas e acabou confessando o crime. 

VEJA MAIS: Mulher é morta durante assalto em frente a filha

Tiago Oliveira da Silva%2C de 30 anos%2C se entregou no Fórum de Porto Alegre Divulgação/Polícia Civil

De acordo com a Secretaria de Segurança Publica do Rio Grande do Sul, Tiago Oliveira da Silva, de 30 anos é o homem que matou Cristine. Em depoimento, o criminoso alegou que o disparo foi um acidente. "Quando ela pegou e fez um gesto que ia pegar um negócio, ela arrancou. E no susto ali, eu... a arma tava engatilhada", afirmou.

Os filhos presenciaram a morte da mãeReprodução/Facebook

A Polícia Civil trabalha com a hipótese de que criminosos estariam fazendo uma "série de assaltos" na região onde ocorreu o crime. No mesmo dia do assassinato de Cristiane, Fabrício Faria, de 20, foi preso e ele é acusado de participar do assassinado. Com ele a Briga Militar encontrou vários objetos das vítimas. Ele nega os crimes. Rafael Silveira Santa- Helena, um terceiro envolvido, está foragido.

O crime

A vítima foi identificada como Cristine Fonseca Fagundes, 44 anos, estava dentro do carro, acompanhada da filha de 17 anos, quando foi abordadas pelos assaltantes. Elas aguardavam pelo filho mais novo da vítima, de 10 anos, que é estudante da sétima série. Antes de render as vítimas, segundo testemunhas, o criminoso já havia assaltado outras duas pessoas na rua, a poucos metros do colégio.

Cristine estava dentro do carro%2C acompanhada da filha de 17 anos%2C quando foi abordadas pelos assaltantesReprodução


Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia