Filho de Mourão é promovido no Banco do Brasil e triplica salário

Nomeação como assessor especial do presidente do BB foi confirmada pela assessoria do banco, que afirmou que 'a nomeação atende aos critérios previstos em normas internas e no estatuto do Banco'

Por O Dia

Vice presidente da República, General Mourão, em cerimônia de transmissão do cargo de presidente do Banco do Brasil, Rubem Novaes
Vice presidente da República, General Mourão, em cerimônia de transmissão do cargo de presidente do Banco do Brasil, Rubem Novaes -

Rio - Antônio Hamilton Rossell Mourão, filho do vice-presidente Hamilton Mourão, foi nomeado assessor especial do novo presidente do Banco do Brasil, Rubem Novaes.

A nomeação foi confirmada pela assessoria do banco, que afirmou que "a nomeação atende aos critérios previstos em normas internas e no estatuto do Banco". Antônio é funcionário do BB há 18 anos e trabalhava há 11 anos como assessor na Diretoria de Agronegócios. 

Com a promoção, seu salário será de R$ 36,3 mil por mês, aproximadamente o triplo de seu salário anterior. 

No Twitter, Mourão afirmou que seu filho presta "excelentes serviços" no BB e ressaltou que ele tem "absoluta confiança pessoal do Presidente do Banco". 

Últimas de Brasil