Suspeitos de fornecerem armas para atentado de Paris em 2015 são indiciados, afirma MP belga

Ataques em vários pontos da cidade matou 130 pessoas, incluindo a casa de show Bataclan

Por AFP

Série de atentados aconteceu em novembro de 2015, em Paris.
Série de atentados aconteceu em novembro de 2015, em Paris. -

Bruxelas - O Ministério Público belga anunciou, nesta quarta-feira, que foi indiciado em dezembro um suspeito de ter fornecido armas para os comandos extremistas que atacaram Paris em novembro de 2015, confirmando notícias na imprensa local.

Esses atentados, que tiveram, em grande parte, a Bélgica como base, deixaram 130 mortos. Os investigadores suspeitam de que este homem, detido "antes do Natal", tenha estado envolvido no "fornecimento de fuzis aos autores dos ataques, disse à AFP o porta-voz do Ministério Público, Eric Van Duyse.

Últimas de Brasil