Colisão de carro com cabine de pedágio deixa 1 morto e 3 feridos na Anhanguera

Segundo a Polícia Rodoviária Estadual, o condutor do veículo se aproximou do pedágio em alta velocidade e não conseguiu evitar a colisão; praça de pedágio sofreu interdição parcial para o atendimento às vítimas

Por ESTADÃO CONTEÚDO

Acidente deixou um morto
Acidente deixou um morto -

Sorocaba - Uma pessoa morreu e três ficaram feridas, uma delas em estado grave, depois que o carro em que viajavam colidiu com a mureta que separa as cabines de uma praça de pedágio, no km 26 da Rodovia Anhanguera, na região de Perus, em São Paulo, na manhã deste sábado. De acordo com a Polícia Rodoviária Estadual, o condutor do veículo se aproximou do pedágio em alta velocidade e não conseguiu evitar a colisão. O automóvel ficou destruído. A praça de pedágio sofreu interdição parcial para o atendimento às vítimas.

Segundo a concessionária Autoban, que administra a rodovia, o acidente aconteceu entre os corredores das cabines de cobrança automática, o Sem Parar, na pista sentido capital. Com o impacto, um passageiro do automóvel que viajava no banco da frente acabou morrendo na hora. O condutor do veículo, com ferimentos graves, foi levado para o Hospital São Vicente, em Jundiaí. Outras duas pessoas que viajavam no banco de trás tiveram ferimentos leves e foram atendidas no Hospital de Polvilho, em Cajamar. A identidade das vítimas não foi divulgada.

No início da tarde, as duas cabines de cobrança automática onde o carro bateu ainda estavam interditadas para o trabalho da perícia. Os veículos que passariam sem parar estavam sendo desviados para as cabines de cobrança manual, mas não havia congestionamento. Segundo a concessionária, a colisão do automóvel não causou danos significativos às cabines, que voltariam a operar assim que a perícia fosse concluída. A Polícia Civil vai apurar as causas do acidente.

Comentários