Cão-bombeiro que morreu em ação recebe homenagem de tutor e condutor

Barney se afogou ao tentar encontrar uma pessoa desaparecida em Santa Catarina

Por O Dia

Labrador Barney ganhou homenagem de condutor
Labrador Barney ganhou homenagem de condutor -
Rio - O cão-bombeiro Barney recebeu uma homenagem do seu tutor Luciano Rangel. O labrador morreu em uma ação de salvamento no dia 3 de maio em Içara, Santa Catarina. O cachorro procurava uma pessoa desaparecida, quando pulou na água para indicar algo suspeito. Ele não voltou à superfície e seu corpo foi encontrado dois dias depois.
Barney morreu afogado ao procurar uma pessoa desaparecida - Reprodução/ Instagram
O soldado Luciano Rangel usou uma conta criada para o animal no Instagram para mostrar a tatuagem que fez de seu antigo companheiro. "Pra sempre eternizado, junto ao meu coração", escreveu.
Barney atuou por 20 dias nas buscas das vítimas do desastre de Brumadinho - Reprodução/ Instagram
Barney tinha três anos e atuou por vinte dias nas buscas por vítimas do desastre da Vale em Brumadinho, Minas Gerais. Confira o vídeo:
 
Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia

Galeria de Fotos

Labrador Barney ganhou homenagem de condutor Reprodução/ Instagram
Barney atuou por 20 dias nas buscas das vítimas do desastre de Brumadinho Reprodução/ Instagram
Barney morreu afogado ao procurar uma pessoa desaparecida Reprodução/ Instagram

Comentários