Suspeito atira contra delegado em unidade policial

Além do titular da delegacia, inspetar e a namorada do preso também foram baleados

Por Jenifer Alves*

Delegado Valdemar segue internado em estado grave no Hospital Geral da Região
Delegado Valdemar segue internado em estado grave no Hospital Geral da Região -
Maranhão - Um delegado foi baleado por um preso dentro de uma delegacia da cidade de Caxias, localizada a cerca de 360 quilômetros de São Luís, no Maranhão, na noite do último domingo. Valdemar Barros registrava um flagrante na 1ª DP quando foi atingido por um homem, identificado como Jardel da Silva Ribeiro, que havia acabado de ser preso por porte ilegal de arma. 
Um investigador foi baleado na perca e a namorada do acusado no braço esquerdo. Eles foram socorridos para o Hospital Geral do Município, medicados e liberados. Já Valdemar está internado em estado grave e precisou passar por cirurgia. Valdemar foi atingido à queima-roupa e perdeu um rim, um baço e teve o diafragma perfurado. Ele chegou ao hospital em estado de choque e teve queda brusca de pressão.
Jardel baleou outras duas pessoas - Reprodução / Internet
Nesta terça-feira, ele foi transferido para o Hospital Regional Everaldo Aragão, onde passou por hemodiálise. Segundo o boletim médico, seu estado de saúde permanece grave, mas estável e sem febre.
O atirador, que estava algemado, conseguiu roubar a arma do titular e balear outras duas pessoas. Jardel conseguiu fugiu, mas foi acalçado por populares próximo a um hospital da área e foi preso novamente.
De acordo com o responsável pelas unidades da região, delegado Jair Paiva, o Jardel estava em sala onde assinaria o interrogatório quando conseguiu desarmar o delegado. "De uma forma muito rápida, o Jardel conseguiu pegar a arma que estava atrás do delegado Valdemar, ele rendeu todos que estavam na sala, inclusive o próprio advogado dele", relata Jair.
Após atirar contra Valdemar, ele saiu da primeira sala, passando pela área comum, onde estavam outros dois investigadores. Um deles foi baleado na perna, além da namorada do próprio acusado. Jardel seguiu atirando até o momento em que a arma falhou e ele a descartou. Ele deixou a delegacia a pé, mas foi alcançado por populares. Ele foi autuado por tentativa de duplo homicídio.
*Estagiária sob a supervisão de Cadu Bruno
Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia

Galeria de Fotos

Delegado Valdemar segue internado em estado grave no Hospital Geral da Região Reprodução / Internet
Jardel baleou outras duas pessoas Reprodução / Internet

Comentários