Mais Lidas

Twitter começa a testar 'stories' para brasileiros

Brasil foi escolhido para o testo pelo seu intenso uso da rede social: é o segundo país que mais a utiliza, atrás apenas dos Estados Unidos

Por Agência Brasil

Brasil, de acordo com as estatísticas da rede social, está em segundo no ranking de uso do Twitter, atrás apenas dos Estados Unidos.
Brasil, de acordo com as estatísticas da rede social, está em segundo no ranking de uso do Twitter, atrás apenas dos Estados Unidos. -
Brasília - A rede social Twitter anunciou nesta quarta-feira que uma nova funcionalidade chamada Fleets será testada em primeira mão por usuários brasileiros.

Similar ao Stories do Instagram, o recurso permite ao usuário postar vídeos, fotos e textos que desaparecem após 24 horas. Essas postagens temporárias não podem ser comentadas ou republicadas, e não ficam arquivadas após o término período. Outras redes sociais, como o Whatsapp, o Snapchat e o Facebook também possuem esse tipo de funcionalidade.
“O Twitter serve para ter conversas sobre coisas que importam”, disse Mo Aladham, gerente de produtos da rede social e criador do Fleets. “Muitas pessoas se dizem desconfortáveis em tuitar pelo fato da informação ser pública, de ter uma sensação permanente, e te ter métricas visíveis. Queremos criar conversas de novas maneiras, que tenham menos pressão e mais controle”, afirmou o funcionário.

De acordo com o perfil oficial do Twitter, a razão do Brasil ter sido escolhido como ambiente de teste foi o intenso diálogo que os brasileiros mantêm na rede social. O Brasil, de acordo com as estatísticas da rede social, está em segundo no ranking de uso do serviço de microblogging, atrás apenas dos Estados Unidos.

Pensamentos rápidos
A nova funcionalidade não estará disponível na timeline convencional. Para acessá-la, os usuários devem clicar no avatar dos perfis que produziram os Fleets.

A origem do nome da nova funcionalidade, de acordo com Mo Aladham, é o termo fleeting thoughts, que, em tradução livre, significa “pensamentos rápidos, efêmeros”.
Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia

Comentários