Alta comissária da ONU para Direitos Humanos, Michelle Bachelet - ONU News/Daniel Johnson
Alta comissária da ONU para Direitos Humanos, Michelle BacheletONU News/Daniel Johnson
Por iG
Nova York - A alta comissária da ONU para Direitos Humanos, Michelle Bachelet, comentou nesta terça-feira (9) a gestão brasileira no enfrentamento à pandemia da Covid-19. De acordo com Bachelet, efeito da doença no país foi devastador.
“Esse foi o caso em muitos países, não só o Brasil, mas também o Brasil. Acho que isso é terrível, porque os líderes precisam dar um exemplo, líderes precisam guiar as pessoas, e as pessoas devem seguir as recomendações da Organização Mundial da Saúde”, comentou a comissária, sem citar o nome do presidente Jair Bolsonaro.
Publicidade
Segundo Bachelet, uma das grandes dificuldades na condução da pandemia em alguns países é a descrença da população nas organizações. Ainda de acordo com ela, as pessoas precisam participar e entender por que as decisões são tomadas para aderirem às recomendações de distanciamento social e higiene, por exemplo.