Há 22 anos, o grupo Os Tapetes Contadores de Histórias cria e utiliza tapetes, painéis, malas, aventais, roupas, caixas e livros de pano como cenários de contos autorais e populares para despertar o imaginário de crianças, jovens e adultos para as artes e a leitura - Divulgação
Há 22 anos, o grupo Os Tapetes Contadores de Histórias cria e utiliza tapetes, painéis, malas, aventais, roupas, caixas e livros de pano como cenários de contos autorais e populares para despertar o imaginário de crianças, jovens e adultos para as artes e a leituraDivulgação
Por O Dia
Sem aglomeração e comemorações nas ruas, o carnaval em meio à pandemia da covid-19 será diferente em 2021. Para que não seja desperdiçado, os Tapetes Contadores de Histórias vão organizar a mostra “Peraltagens”: uma série de apresentações com contos populares brasileiros e estrangeiros abertos às crianças e ao público em geral, de forma gratuita. Os vídeos serão exibidos no canal do grupo no YouTube a partir do dia 13 de fevereiro, às 11h.
Com histórias gravadas na Biblioteca Parque Estadual, no Centro da cidade do Rio de Janeiro, a programação é voltada para toda a família, sobretudo para o público infanto-juvenil. O evento exibe tapetes, malas, painéis, maquetes, objetos e livros de pano que servem de cenários para narrativas tradicionais do mundo inteiro. Tudo isso com contos de renomados autores nacionais como Ana Maria Machado, Carlos Drummond de Andrade, Graciliano Ramos, Ricardo Azevedo e Sérgio Capparelli.
Publicidade
Ao todo, serão seis sessões de histórias entre os dias 13 e 28 de fevereiro. Os encontros serão aos sábados e domingos. Haverá ainda 12 visitas guiadas pelo Facebook dos Tapetes Contadores de Histórias, que acontecem de 9 de fevereiro ao dia 4 de março.
“O Carnaval sempre permitiu que as pessoas se reinventassem através das fantasias. Em 2021, vamos precisar reinventar a forma de diversão. Por tantos anos, encantamos crianças em apresentações pelos centros culturais, livrarias e, agora, faremos isso online no nosso Carnaval da Esperança”, diz Warley Goulart, coordenador geral do projeto. A mostra reúne o vasto acervo de cenários de tecido costurados pelo grupo Tapetes Contadores de Histórias, ao longo de 22 anos, no Brasil, França e Peru.
Publicidade
Peraltagens é um projeto viabilizado pela Lei Aldir Blanc, por Edital da Secretaria de Cultura e Economia Criativa SECEC/RJ, Edital Retomada Cultural - Estado do Rio de Janeiro, Secretaria Especial da Cultura, Ministério do Turismo e Governo Federal.