Ministro Gilmar Mendes - Carlos Alves Moura / STF
Ministro Gilmar MendesCarlos Alves Moura / STF
Por IG - Último Segundo

Rio - O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Gilmar Mendes, disse, nesta sexta-feira (5), durante entrevista à CNN Brasil, que a força-tarefa da Lava Jato estava em uma outra “estratosfera”.

"Nós vivemos esses momentos todos da Lava Jato e tivemos altos e baixos. Certamente, a operação tem méritos de combate à corrupção, mas tudo indica que a PGR detectou ali uma desinstitualização", disse o ministro.

E completou: "Todos esses fatos que vêm sendo revelados indicam que a Lava Jato estava em outra estratosfera – sequer pertencia ao Ministério Público Federal, à Procuradoria-Geral", pontuou.

Nesta última quarta-feira (3), o Ministério Público Federal anunciou o fim da Lava Jato no Paraná. Alguns procuradores que atuavam na operação passaram a integrar o Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco).

Vacina 

Mendes ainda elogiou a eleição do Senado e Câmara e afirmou que ficou satisfeito em ver ambos os eleitos defenderem a vacinação. "Fiquei contente de ver os novos líderes do Congresso defendendo a vacinação. Acho que esse processo estará em andamento o mais rápido possível", afirmou.

Você pode gostar