Eduardo foi aplaudido pela equipe médica ao ter alta, na quinta-feira. No detalhe, ele posa por videochamada em sua casa, em Niterói - Hospital Icaraí/Divulgação
Eduardo foi aplaudido pela equipe médica ao ter alta, na quinta-feira. No detalhe, ele posa por videochamada em sua casa, em NiteróiHospital Icaraí/Divulgação
Por
O empresário Eduardo Marins de Mendonça, 49 anos, pegou a covid durante um cruzeiro pela Amazônia entre 8 e 15 de março de 2020. Foi internado no dia 27 de março no Hospital Icaraí, em Niterói, após testar positivo para o novo coronavírus, e ficou em coma induzido até o dia 1º de abril. Teve alta pouco antes da páscoa e chegou a dar entrevista para O DIA, dizendo que saiu do hospital com a missão de "tornar o mundo melhor".
"Perdi doze quilos. Como fiquei entubado, gerou isso, mas foi tudo estabelecido. Na época, ainda havia muito desconhecimento. Falavam para não irmos para o hospital se não tínhamos certeza. Mas chegou um momento em que eu não conseguia sair da cama, estava com uma tosse chata e sem fome. Quando cheguei no hospital, meu pulmão já estava todo tomado", recorda.