Presidente Jair Bolsonaro e ex-ministro Sergio Moro
Presidente Jair Bolsonaro e ex-ministro Sergio MoroAgência Brasil
Por IG - Último Segundo

No Brasil, há um aumento na perspectiva de que a corrupção crescerá sob o governo de Bolsonaro (sem partido). Segundo pesquisa Datafolha, 67% da população acredita que o 'toma lá dá cá' aumentará nos próximos meses. O número é um recorde desde 2019, quando o Jair assumiu a presidência.

No último levantamento realizado, em dezembro de 2020, esse número era de 55%. Houve também uma queda entre os que acreditam que a corrupção diminuirá, de 14% para 8%. Parceria com o Centrão, revelações no caso das 'rachadinhas' e a compra de uma mansão de R$6 milhões por Flávio Bolsonaro minaram a confiança daqueles que acreditavam no combate a corrupção.
Publicidade
A aprovação a Sergio Moro sofreu dura queda. No ápice da Operação Lava Jato, a confiança no ex-juiz era de 65%. Hoje, 45% dos brasileiros consideram que sua atuação foi boa ou ótima. Queda de 20 pontos percentuais.
A rejeição ao nome do ex-ministro da Justiça dobrou nesse período. Em 2016, oscilava entre 11% e 13%. Agora chega a marca de 27%.
Publicidade
A pesquisa Datafolha foi realizada entre os dias 15 e 16 de março e ouviu 2.023 pessoas, em todo o país, por telefone. A margem de erro é de dois pontos percentuais.
Você pode gostar