Atividade no comércio recua 3,2% em junho, aponta Serasa Experian

Feriados decorrentes da Copa do Mundo causaram uma redução do movimento nas lojas, segundo a Serasa Experian

Por marta.valim

A redução do expediente do comércio durante a Copa do Mundo e a decretação de feriados em algumas cidades reduziu o movimento de consumidores em lojas de todo o país, aponta pesquisa da empresa de consultoria Serasa Experian. Houve redução de 3,2% na atividade do comércio em junho na comparação com o mês anterior. Em relação a junho do ano passado, no entanto, o indicador do movimento no varejo revela 0,7% de aumento.

Além do impacto do Mundial, os economistas da Serasa destacam outros fatores, como “a elevação das taxas de juros; a menor geração de empregos no mercado de trabalho; o baixo índice de confiança dos consumidores e as incertezas com relação à economia”. De janeiro a junho, o indicador acumula alta de 3,6% na comparação com igual período de 2013.

Apenas o segmento de tecidos, vestuário, calçados e acessórios manteve-se estável em relação a junho. Os demais setores registraram queda na movimentação, com destaque para os setores de material de construção (-13,1%) e combustíveis e lubrificantes (-12,3%). Também registraram queda os setores de veículos, motos e peças (-6,4%); supermercados, hipermercados, alimentos e bebidas (-4,2%) e móveis, eletroeletrônicos e informática (-3,0%).

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia