Bradesco prevê alta de 0,5 ponto percentual na Selic para a próxima semana

Banco crê que o BC acelerará o aumento da taxa de juros em razão de a inflação estar em nível elevado, o que deverá ser confirmado com a divulgação de índices de preços de novembro

Por diana.dantas

O Bradesco divulgou há pouco uma nota, assinada pelo Diretor de Pesquisas e Estudos Econômicos, Octavio de Barros, na qual elenca os principais acontecimentos para a próxima semana. No texto, a instituição estima que a Selic será elevada em 0,50 ponto percentual na reunião do Comitê de Política Monetária do Banco Central (Copom), que acontecerá na quarta-feira, dia 3 de dezembro.

“Concentrando as atenções da agenda doméstica da semana que vem, acreditamos que o Banco Central irá acelerar o passo de aumento da taxa de juros em seu encontro da próxima quarta-feira. Desse modo, a Selic passará de 11,25% para 11,75%. As preocupações do BC, relativas à inflação em níveis elevados, deverão ser confirmadas, com a divulgação de índices de preços referentes a novembro, na próxima semana. Na quinta-feira será divulgado o IPC-Fipe, para o qual projetamos alta de 0,62%, e na sexta, o IGP-DI e o IPCA, devem exibir variações de 1,00% e 0,57%, respectivamente. A aceleração desses indicadores em relação ao mês anterior deverá ser explicada pelo aumento do preço dos alimentos, pelo impacto do reajuste de combustíveis e pelo repasse da desvalorização cambial sobre os preços domésticos. A agenda doméstica ainda contará com dados de atividade importantes, como (i) a produção industrial de outubro, na terça-feira, que deverá exibir crescimento de 0,7% ante setembro e (ii) a produção de automóveis de novembro, na quinta.

No exterior, o destaque ficará por conta dos dados de emprego referentes a novembro, nos EUA, na sexta-feira, e a reunião de política monetária do BCE, na quinta. Além disso, serão conhecidos os resultados finais dos índices PMIs da indústria de transformação de novembro, na China, ainda neste domingo, e na Área do Euro e nos Estados Unidos, na segunda-feira.”

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia