Pedido de restituição do DPVAT começa na próxima quarta-feira

Depois da solicitação, reembolso para motorista que pagou valor maior será processado em até dois dias úteis

Por Letícia Moura*

Plataforma só receberá os pedidos de restituição da diferença de valores pagos referente ao seguro DPVAT deste ano
Plataforma só receberá os pedidos de restituição da diferença de valores pagos referente ao seguro DPVAT deste ano -
Os proprietários de veículos que pagaram o boleto do seguro DPVAT com o valor mais alto, poderão solicitar o ressarcimento pela internet a partir da próxima quarta-feira, dia 15, de acordo com a Seguradora Líder, administradora do seguro obrigatório. O recurso deverá ser feito por meio do site https://restituicao.dpvatsegurodotransito.com.br que ainda está fora do ar.

O reembolso ocorrerá em depósito diretamente na conta corrente ou conta poupança do proprietário do veículo, que precisa fazer um cadastro no site informando os seus dados. Mas para quem ainda não pagou o seguro, já é possível emitir o boleto com os valores atualizados no site https://pagamento.dpvatsegurodotransito.com.br/.

Ao fazer o pedido, o proprietário receberá um número de protocolo para poder acompanhar o processo de restituição, na mesma plataforma. Depois do cadastro, a restituição será processada em até dois dias úteis, dependendo da compensação bancária para a sua finalização.

Quem parcelou também terá ressarcimento
Segundo a Seguradora Líder, o proprietário que pagou o DPVAT 2020 parcelado em duas ou mais vezes, deverá solicitar a restituição pelo site https://www.seguradoralider.com.br/Contato/Duvidas-Reclamacoes-e-Sugestoes. 
A plataforma online (restituicao.dpvatsegurodotransito.com.br) só receberá os pedidos de restituição da diferença de valores pagos referente ao seguro DPVAT deste ano. A solicitação dos donos de frotas será diferente. É necessário enviar e-mail para restituicao.dpvat@seguradoralider.com.br.

Na última quinta-feira, o presidente do STF, ministro Dias Toffoli, voltou atrás de sua decisão e autorizou a redução do valor do DPVAT. Os valores cobrados anteriormente eram mais maiores: R$ 16,21 para carros e R$84,58 para motos.

O Conselho Nacional de Seguros Privados (CNSP) tinha divulgado, no último dia 27, novos valores para o seguro, já com redução de 86% em comparação com aos preços de 2019. Mas no dia 31, Toffoli barrou a redução e manteve a tabela anterior.
*Estagiária sob supervisão de Max Leone
Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia

Comentários