A psicóloga Elisa Mayerhoffer coordena a Gerência de Saúde Mental de Campos, e está à frente do movimento antimanicomial do município - Jean Barreto/Divulgação prefeitura
A psicóloga Elisa Mayerhoffer coordena a Gerência de Saúde Mental de Campos, e está à frente do movimento antimanicomial do municípioJean Barreto/Divulgação prefeitura
Por O Dia
Campos — Os 30 anos da luta antimanicomial serão celebrados em Campos esta semana com um calendário de eventos a partir desta terça-feira, 14, até sexta-feira. O ciclo começa com uma audiência pública, às 16 horas, na Câmara Municipal, com o tema “Os rumos da rede de atenção psicossocial em Campos: panorama da gestão 2017-2019”.
“Temos, cada vez mais, que garantir o direito das pessoas com sofrimento psíquico de serem tratadas em liberdade, no direito que elas têm de circular pela cidade. A política para o setor prevê leitos de atenção à crise, mas em casos em que todos os recursos forem esgotados”, destaca Elisa Mayerhoffer, coordenadora de Saúde Mental da Secretaria de Saúde.
Publicidade
A semana especial termina com o ato público “Viva a liberdade”, a partir das 14h, na Praça São Salvador, com oficina de fotografia, exposição de fotos e roda de samba.