Municípios da Costa Doce se preparam para integrar o novo Mapa do Turismo Brasileiro

Representantes dos municípios da região se reúnem em Campos para organizar e catalogar as vocações locais

Por O Dia

Secretários de turismo da Costa Doce se reúnem em Campos para preparar o material a ser enviado ao Ministério do Turismo com os pontos de interesse da região
Secretários de turismo da Costa Doce se reúnem em Campos para preparar o material a ser enviado ao Ministério do Turismo com os pontos de interesse da região -
Campos — Representantes das secretarias de turismo de São Fidélis, São João da Barra, São Francisco de Itabapoana e Cardoso Moreira se reúnem, na quinta-feira, com a diretoria de turismo da prefeitura de Campos para organizar e catalogar os pontos de interesse da região, conhecida como Costa Doce, para que possam integrar a próxima atualização do Mapa do Turismo Brasileiro. O encontro também serve para fazer ajustes e cumprir exigências do Ministério do Turismo, como a formação de uma Instância de Governança Regional (IGR).
Integrar o Mapa do Turismo é importante para atrair turistas e investimentos para os municípios da região. Depois de ser concluído, o documento com as atrações locais serão encaminhadas para a secretaria estadual, que reúne os cadastros das 12 regiões delimitadas no Rio e repassa à esfera federal.
“A Costa Doce conta com atrativos naturais, festas religiosas, prédios históricos, gastronomia, carnaval, entre outros tipos de turismo”, destacou Hans Muylaert, diretor de turismo de Campos. “Já fizemos duas reuniões com os membros do Conselho da Instância para preparar nossas potencialidades”.
“Temos que somar nossos esforços para inserir os destinos turísticos do nosso estado no Mapa do Turismo Brasileiro”, comentou Valéria Lima, diretora de Gestão e Desenvolvimento da secretaria estadual da área.
Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia

Comentários