Idosa acusa filho de estupro em Travessão

Homem de 36 anos teria forçado a própria mãe, de 68 anos, a manter relações sexuais com ele durante sete horas consecutivas

Por O Dia

Campos — Um homem de 36 anos foi preso suspeito de estuprar e ameaçar a própria mãe. Uma mulher de 68 anos, moradora do distrito de Travessão, acusa o filho de forçá-la a manter relações sexuais durante sete horas seguidas. O caso foi registrado na Delegacia Especializada no Atendimento à Mulher (Deam) de Campos. As identidades de agressor e vítima não foram divulgadas.
De acordo com a mulher, o ataque começou na noite de quarta-feira, e se estendeu por toda a madrugada. O homem ameaçou matar a mãe caso ela procurasse a polícia. Na noite de quinta-feira, ela decidiu denunciar o filho ao Destacamento de Policiamento Ostensivo (DPO) de Travessão.
Os policiais militares prenderam o acusado em sua casa, ainda na noite de quinta. Ele se encontra neste momento preso preventivamente na Deam. A ocorrência policial registra que o homem confessou o crime.
Segundo a delegada Ana Paula de Oliveira Carvalho, o autor foi conduzido à Deam Campos, que "colheu as oitivas necessárias e a materialidade conseguindo a prisão preventiva via representação junto ao Plantão Judiciário".

Comentários