Multiplicar para preservar

Programa Multiplicadores Ambientais vai capacitar 70 guardas mirins para atuação como protetores e propagadores da preservação do meio ambiente

Por O Dia

Os 70 guardas mirins de Campos vão receber treinamento para atuarem como agentes de proteção do meio ambiente
Os 70 guardas mirins de Campos vão receber treinamento para atuarem como agentes de proteção do meio ambiente -
Campos — Em tempos de urgente e necessária expansão da consciência sobre a preservação do meio ambiente, nada melhor do que investir justamente em quem vai sofrer as consequências dos eventuais estragos que as gerações atuais cometem contra o planeta. Nesse sentido, programas como o Multiplicadores Ambientais tem uma força essencial. Parceria entre a Fundação Municipal da Infância e da Juventude (FMIJ) e Centro de Educação Ambiental Prata Tavares, vinculado à Secretaria Municipal de Desenvolvimento Ambiental (SMDA), o projeto “transforma” os 70 guardas mirins da cidade em fiscais defensores da natureza.
“Considero esse um dos nossos principais projetos”, elogia Leonardo Barreto, secretário de Desenvolvimento Ambiental. “A troca de informação faz com que esses futuros adultos consigam passar para sua família e conhecidos uma conscientização ambiental muito consistente. Acredito que são esses jovens que vão fazer a mudança no meio ambiente”.
Durante cinco meses, os 70 guardas mirins vão receber orientações e informações sobre o tema, para poder coibir pequenas infrações cotidianos dos cidadãos como também estarem aptos a abordá-los e conscientiza-los da importância de preservar do planeta para as gerações futuras.
“Não é um simples projeto, ele representa uma necessidade atual de proteger o meio ambiente”, reforça Airton Évio, coordenador da Guarda Mirim da FMIJ.
“Na realidade atual do mundo precisamos desse fator exponencial, o desafio de conscientização não se restringe ao âmbito local e sim mundial”, discursa o superintendente adjunto de Limpeza Pública, Eduardo Carvalho.

Comentários