O Laboratório Central Noel Nutels, no Rio, concentra os exames feitos no estado para detecção do coronavírus - Divulgação / Governo do estado
O Laboratório Central Noel Nutels, no Rio, concentra os exames feitos no estado para detecção do coronavírusDivulgação / Governo do estado
Por O Dia
Campos — Campos quer se tornar referência no país na realização de testes para detecção do novo coronavírus. Uma parceria da Uenf e da prefeitura da cidade pretende implantar, já nos próximos dias, um laboratório exclusivamente para a testagem do covid-19. Uma reunião entre o prefeito Rafael Diniz e o reitor da Uenf, Raul Palacio deu início às conversas para a concretização da proposta.
“Unimos esforços e somamos forças para atenuar os impactos da propagação do coronavírus em nosso município, e poder contar com o know how dos técnicos da Uenf e com a capacidade de nossos profissionais é mais uma boa alternativa nessa luta”, discursou Diniz.
Publicidade
A intenção é montar a estrutura nos laboratórios do Hospital Geral de Guarus (HGG), que já atua com diagnóstico molecular de carga viral por PCR em tempo real quantitativa. A unidade passa por adaptações e modificações necessárias e passará por uma avaliação do Laboratório Central Noel Nutels (Lacen-RJ) — responsável pelos testes realizados pelo estado do Rio.
“Contamos com a prefeitura para a adequação do espaço no HGG e para o fornecimento dos equipamentos de proteção individual, e dos insumos para que possamos iniciar a parceria”, comentou Palacio.
Publicidade
O equipamento existente no HGG pode realizar até 56 testes/dia. De acordo com o reitor, a Uenf dispõe de equipe e equipamentos para diagnóstico molecular, recursos humanos e mais um termociclador, o que dobraria a capacidade de diagnósticos por dia.
“Queremos ampliar o número de testes em pacientes com suspeitas da doença. É uma necessidade em todo o país e fazer de Campos uma referência é mais um passo”, projetou a infectologista Andréya Moreira, diretora da Vigilância em Saúde de Campos.