Rede social quer conter fake news no Messenger - AFP Photo / Lionel BONAVENTURE
Rede social quer conter fake news no MessengerAFP Photo / Lionel BONAVENTURE
Por Marco Sá
De olho no combate às fake news, o Facebook anunciou ontem que vai limitar o encaminhamento de mensagens repassadas através de sua plataforma de chat Messenger.
Em tempos de pandemia do coronavírus e a proximidade das eleições presidenciais nos Estados Unidos, levantamento feito pela empresa mostra que essa limitação reduziu em 70% o compartilhamento de mensagens virais em apenas um mês no WhatsApp, que já usa recurso semelhante.
Publicidade
De acordo com o Facebook, a ação surge num momento crucial para o mundo, em que notícias falsas podem atrapalhar o combate à pandemia e influenciar o resultado de eleições. Dessa forma, só será possível repassar a mesma mensagem cinco vezes para outras pessoas ou grupos.
Além disso, a empresa anunciou que a ferramenta de transferência de fotos e vídeos da rede social ganhou integração com o Dropbox e Koofr, de armazenamento em nuvem. No início do ano, já havia sido apresentada uma integração com o Google Fotos.
Publicidade