Silvio Santos vem aí

Genro do dono do SBT, Fábio Faria será ministro das Comunicações e tem entrada liberada no gabinete de Bolsonaro

Por O Dia

O deputado federal Fabio Faria com a apresentadora Patrícia Abravanel e o filho Pedro
O deputado federal Fabio Faria com a apresentadora Patrícia Abravanel e o filho Pedro -

Brasília - A recriação do Ministério das Comunicações, cujo titular da futura pasta será o deputado federal Fábio Faria (PSD-SP), é recado do presidente Jair Bolsonaro para duas figuras importantes de apoio à sua gestão: Silvio Santos, dono do canal SBT, neoaliado desde 2018; e o presidente do PSD, Gilberto Kassab - que diz estar fechado com o governador paulista João Dória, mas liberou a forte bancada para votar com Bolsonaro no Congresso Nacional. O futuro ministro é genro do dono do SBT e tem entrada liberada no gabinete presidencial há um ano. É uma evidência de que a volta do ministério estava no radar do Planalto há meses. A coluna já registrou que suas audiências com Bolsonaro são semanais (em alguns casos, mais de duas por semana).

$edex

Os Correios, que serão privatizados, ficará sob o comando do Ministério. O PSD vai comandar a pasta também no leilão da banda 5G, essencial para telefônicas e TVs.

Prazo de validade

Se depender de Bolsonaro, Wilson Witzel enterra sua vida política em três meses - é o prazo do rito se a ALERJ aprovar o impeachment do Governador do Rio de Janeiro.

É tarde?

Witzel está emitindo sinais de que quer se aproximar do presidente - como na eleição - para tentar apoio dos bolsonaristas na ALERJ. Mas é tarde, dizem fontes do Planalto.

Acorda, WW

A essa altura, Pr. Everaldo, presidente do PSC, e André Moura, demitido por Witzel - duas eminências pardas do Governo do Rio -, já rifaram politicamente o governador.

Reservas e fronteiras

O Decreto 10.394 trata de emprego das "Forças na Garantia da Lei e da Ordem e em ações subsidiárias" até 10 de julho de 2020 também nas terras indígenas e nas reservas ambientais e em outras áreas federais na Amazônia Legal.

Se liga, deputado

Mais uma vez, Ciro Gomes, o presidenciável do PDT, desembarca no Recife fazendo política antes da hora. Novamente lançou a candidatura de Túlio Gadelha à Prefeitura da capital. Mais conhecido como "Namorado da Fátima Bernardes", Túlio não ganhou eleição para vereador antes da vitrine nacional com a amada. Ciro faz barulho agora para colher a aliança do PSB local, coligação tradicional.

Tapa de luva

Viralizou o vídeo do ex-deputado Marco Antônio Cabral, filho de Sérgio Cabral, em que cobra postura do ex-prefeito Eduardo Paes, antigo aliado do clã, lembrando que é feio renegar os amigos.

Palmas!

A PF destruiu 400 mil pés da planta numa fazenda no chamado Polígono da Maconha em Pernambuco. Abasteceria consumo no Maranhão, Ceará e Bahia.

Pra boi dormir

O ministro da Educação, Abraham Weintraub, não engoliu que sua Medida Provisória que alterava regras para eleição de reitores nas universidades e institutos federais perdesse a validade. Apresentou outra, mais intervencionista. No texto da nova MP (979/20), o MEC diz que a escolha dos dirigentes obedecerá critérios técnicos.

Mas...

... O interventor nomeado para reitor pro tempore do IFRN, Josué Moreira, é filiado ao PSL bolsonarista, e já foi candidato à prefeitura de Mossoró (RN).

 

Forças x Covid

Presidente Jair Bolsonaro. Local: Aterro do Flamengo, Rio de Janeiro, RJ, Brasil - Foto: Daniel Castelo Branco / Agência O Dia - Daniel Castelo Branco

O presidente Bolsonaro autorizou o uso das tropas das Forças Armadas em fronteiras para tentar estancar a pandemia de coronavírus. É diária a entrada — em algumas regiões sem controle — de moradores de países vizinhos no Brasil.

ESPLANADEIRA

Votação do Prêmio MuniCiência acontece até 17 de julho.

McDonald's doou 10.770 refeições, no Rio, para profissionais da saúde pela campanha McObrigado.

Desafio Universitário pela Primeira Infância, inciativa da Anup, recebe inscrições até 16 de agosto.

A Connekt, plataforma de recrutamento digital, cria #Reconnektados, projeto que disponibiliza vagas para quem perdeu emprego.

Engenheira Iara Nagle disputa a presidência do CREA-RJ, entidade com 100 mil profissionais cadastrados (24 mil mulheres).

Comentários