O deputado Jorge Felippe Neto e a esposa Mariana Vasques Nogueira - Reprodução do Facebook
O deputado Jorge Felippe Neto e a esposa Mariana Vasques NogueiraReprodução do Facebook
Por CÁSSIO BRUNO
Eleito nesta quarta-feira o novo corregedor da Assembleia Legislativa do Rio (Alerj), o deputado Jorge Felippe Neto (PSD) tem a esposa nomeada no governo Wilson Witzel (PSC). A advogada Mariana Vasques Nogueira Felippe ocupa cargo comissionado de confiança de assessora jurídica na Presidência da Imprensa Oficial. Tem salário mensal de R$ 8.857,39 (brutos). Mari, como é conhecida, exerce a função desde outubro de 2017, na gestão do ex-governador Luiz Fernando Pezão. Mesmo com a mudança do governo, a mulher do deputado foi mantida pelo grupo de Witzel. O parlamentar é da base de apoio do governador na Alerj.
‘ELA VAI TRABALHAR TODOS OS DIAS’
Publicidade
Jorge Felippe Neto declarou não ter nada a ver com a nomeação de Mari Nogueira. Segundo o deputado, a esposa “tem carreira própria”. “Ela é advogada administrativa e exerce a função. Vai trabalhar todos os dias”, afirma. Neto ressalta que o trabalho de Mari não influencia em seu posicionamento político na Alerj. “Acredito na proposta do governo”, reforça. De acordo com resolução que criou o Código de Ética da Assembleia, o corregedor tem, entre outras funções, a de abrir sindicâncias sobre denúncias envolvendo parlamentares.
DEM PODE COMANDAR IMPRENSA OFICIAL
Publicidade
Em breve, aliás, a cúpula da Imprensa Oficial deve ser trocada novamente e entregue nas mãos do DEM. A empresa pública vinculada a José Luis Zamith (foto), secretário da Casa Civil e de Governança de Witzel. O órgão é responsável pela publicação dos atos dos Poderes Executivo, Legislativo e Judiciário. O troca-troca faz parte das negociações para o governador ampliar a sua base de apoio na Alerj. A bancada do DEM é formada pelos deputados Carlo Caiado, Dr. Deodalto, Fábio Silva, Filipe Soares e Samuel Malafaia.
PRESO EM CASA, PICCIANI DEIXA MDB
Publicidade
Em prisão domiciliar em decorrência da Operação Cadeia Velha (braço da Lava jato), o ex-presidente da Alerj Jorge Picciani (foto) deixou o MDB. A desfiliação ocorreu em 3 de abril. Ele está em tratamento de um câncer na bexiga. O filho dele, o ex-deputado Leonardo Picciani, continua na presidência estadual do partido. Mas a saída do pai pode indicar a implosão da família dentro da legenda e abrir caminho para o controle da sigla pelo grupo de Witzel.
MAIS MUDANÇAS NO GOVERNO
Publicidade
Witzel já prepara mudanças no governo. Helio Cabral, hoje presidente da Cedae, está cotado para a Secretaria das Cidades com a missão de cuidar das Parcerias Público-Privadas (PPP). Cabral é indicação do Pastor Everaldo, dono do PSC.
HOMEM FORTE NO TROCA-TROCA
Publicidade
Já Lucas Tristão, secretário de Desenvolvimento Econômico e homem de confiança de Witzel, pode assumir outra pasta ou até deixar o Guanabara. A cúpula do governo negou à Coluna possível saída de Tristão.
CRIVELLA, MÃOS DE TESOURA
Publicidade
Desde segunda-feira, o prefeito do Rio, Marcelo Crivella (PRB), vem exonerando funcionários comissionados da Casa Civil ligados ao vereador Paulo Messina (PRB), ex-comandante da pasta. Messina nega ter indicações políticas.
CORTES EM MAIS DUAS PASTAS
Publicidade
As exonerações de Crivella incluem indicados do presidente da Câmara, Jorge Felippe (MDB), na Conservação, e da vereadora Rosa Fernandes (MDB), no Meio Ambiente. A turma quer o impeachment.
É PARTICULAR
Publicidade
O Hospital Infantil 21 de julho, em Queimados, não é administrado pelo prefeito Carlos Vilela (MDB). Ele repassa verba do SUS. Na unidade, morreu um bebê de pneumonia.
PICADINHO
Publicidade
O ‘Samba da Rezadeira’ homenageia Noel Rosa amanhã, às 19h. Na Rua Carlos Sampaio, 68, Centro. Entrada gratuita.
Na terça, às 14h, o TopShopping promove o CineMaterna, sessão de cinema especial para mães e bebês de até 18 meses.
Publicidade
O longa ‘Não sei qual cidade se passa aos olhos dele’ será exibido no CCBB nos dias 11 e 25. Gratuito.
SOBE
Publicidade
LUCAS MOURA
Brasileiro fez os três gols do Tottenham contra o Ajax. Clube disputará final da Liga dos Campeões pela primeira vez.
Publicidade
DESCE
PREFEITO DE SEROPÉDICA
Publicidade
Anabal Barbosa (PDT) teve os direitos públicos suspensos e perdeu sua função pública depois de um decreto de justiça.