Alerj atrasará votação de contas de Pezão para beneficiar Witzel

André Ceciliano (PT), presidente da Casa, só levará tema ao debate na segunda quinzena de outubro

Por CÁSSIO BRUNO

Governador Wilson Witzel
Governador Wilson Witzel -
O presidente da Assembleia Legislativa do Rio, André Ceciliano (PT), só vai pôr as contas dos ex-governadores Luiz Fernando Pezão (MDB), preso na Lava Jato, e Francisco Dornelles (PP) em votação no plenário na segunda quinzena deste mês. O petista quer ganhar tempo para ter certeza da aprovação. O governador Wilson Witzel (PSC) é o maior interessado no tema já que quer manter precedente para evitar problemas com as suas contas no futuro. No entanto, Witzel não tem uma base de apoio consistente. E só piorou após a crise com o PSL, a maior bancada, com 12 deputados.

CECILIANO: ‘EU SOU AMIGO DO PEZÃO’

Procurado pela Coluna, André Ceciliano desconversou sobre a ajuda a Witzel. “Sou amigo do Pezão e estou ajudando, conversando com os deputados (para aprovarem as contas)”, disse o petista. Segundo Ceciliano, não haverá maiores problemas. “(As contas) Serão aprovadas. É votação com maioria simples”, ressaltou. Ceciliano se tornou um dos principais aliados de Witzel na Alerj. A Comissão de Orçamento aprovou as contas do ano passado de Pezão e Dornelles. O TCE-RJ, por sua vez, rejeitou e apontou 14 irregularidades.

DECISÃO SOBRE O FIM DOS RADARES

Seguindo o presidente Jair Bolsonaro (PSL), que determinou a suspensão do uso de radares móveis nas rodovias federais, a Alerj vota hoje projeto de lei que proíbe os mesmos radares nas estradas estaduais. A polêmica proposta é dos deputados Rosenverg Reis (MDB) e Gustavo Schmidt (PSL). Em 15 de agosto, Bolsonaro explicou que a medida é para “evitar o desvirtuamento do caráter pedagógico e a utilização meramente arrecadatória dos instrumentos e equipamentos medidores de velocidade”.

FLALERJ SAIU MAIS CEDO DO TRABALHO

Deputados estaduais rubro-negros assistiram ontem ao Flamengo na Arena do Grêmio pela Libertadores. André Ceciliano (PT) e Renan Ferreirinha (PSB) foram no mesmo voo, o 4449, da Azul. Alexandre Knoploch e Gustavo Schmidt, ambos do PSL, também viajaram. Ceciliano fez até foto com o presidente do clube, Rodolfo Landim, no aeroporto. A turma do setor público antecipou o fim do expediente.

A PESQUISA DOS BOLSONARO

O PSL fez outra pesquisa de intenção de voto para prefeito do Rio. Após a polêmica da bienal e dos ataques à Globo, Crivella (PRB) cresceu e aparece empatado com Eduardo Paes (DEM). Marcelo Freixo (PSOL) lidera.

PREFEITO CAI COM HÉLIO

Quando o deputado federal Hélio Negão (PSL-RJ) é incluído, ele aparece em quarto. Crivella fica em terceiro; Paes, em segundo. Freixo mantém a liderança com folga. A pesquisa é interna e não foi registrada.

SECRETÁRIA DE WITZEL EM COMA

Cristina Quaresma, secretária estadual de Desenvolvimento Social e Direito Humanos, teve um AVC anteontem em um evento no Abrigo Cristo Redentor. Está em coma no Hospital Quinta D’Or.

PARALELAS QUE SE CRUZAM

Pré-candidata à prefeitura pelo PSDB, Mariana Ribas fará intensivão na Prefeitura de São Paulo. Na volta, inicia estudos sobre o Rio. Paes começa a pré-campanha em janeiro. Ambos em sintonia até as convenções.

O PETRÓLEO

A Comissão Especial em Defesa dos Royalties foi instalada na Alerj. É presidida por Dr. Serginho (PSL). Mas há integrantes do Solidariedade, PSDB, MDB, Pros, PSC e PSD.

PICADINHO

Hoje, às 19h, o bar Il Piccolo Biergarten, na Lapa, vai prestigiar as meninas LGBTQIA+ com os shows de Juçara Freire e Joyce Kelly.

De hoje a domingo, acontece a Primavera Literária Rio. No Museu da República, no Catete.

Também até domingo, será realizada a Expo Religião. Na Biblioteca Parque Estadual, no Centro do Rio.

DESCE

WAGUINHO

O Tribunal de Justiça determinou o bloqueio de R$ 8 milhões nas contas e bens do prefeito de Belford Roxo.

DESCE

MÁRCIO CANELLA

O ex-vice-prefeito de Belford Roxo, hoje deputado estadual do MDB, também teve os bens bloqueados pela Justiça.
Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia

Comentários