Comissão de ética da Alerj analisará pedido de cassação de deputados da Furna da Onça

Corregedoria da Casa dará prazo para defesa dos parlamentares

Por CÁSSIO BRUNO

André Corrêa.
André Corrêa. -
A representação do PSOL no Conselho de Ética contra os deputados da Furna da Onça volta a tramitar nos próximos dias. O objetivo é cassar os mandatos. "É inaceitável eles serem presos, soltos e a Alerj não analisar as condutas", diz Flavio Serafini.

Os parlamentares foram soltos, mas sem direito a exercerem os cargos. A Corregedoria da Alerj irá notificá-los e dará um prazo para todos apresentarem defesa. A turma é suspeita de corrupção nos esquemas de Cabral.

O pedido de análise de cassação do mandato foi feito para os cinco deputados estaduais soltos: André Corrêa (DEM), Luiz Martins (PDT), Marcus Vinícius Neskau (PTB), Marcos Abrahão (Avante) e Chiquinho da Mangueira (PSC).

Comentários